Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Bola de fogo ilumina o céu noturno em toda a Escócia

    O fenômeno ficou visível no céu por cerca de 20 segundos, um longo período de tempo para um meteoro

    Uma imagem da bola de fogo tirada por uma câmera operada pela Rede de Observação de Meteoros do Reino Unido.
    Uma imagem da bola de fogo tirada por uma câmera operada pela Rede de Observação de Meteoros do Reino Unido. Reprodução/Rede de Meteoros do Reino Unido

    Katie Huntda CNN

    Centenas de pessoas em toda a Escócia, Irlanda do Norte e partes do norte da Inglaterra viram uma bola de fogo iluminando o céu noturno na quarta-feira (14).

    Não ficou claro se era um meteoro ou detritos espaciais, disse Aine O’Brien, estudante de doutorado da Universidade de Glasgow e membro da Fireball Alliance do Reino Unido, que rastreia passagens de meteoros. A bola de fogo ficou visível no céu por 10 a 20 segundos – um período de tempo extraordinariamente longo para um meteoro – mas a forma como o objeto se fragmentou no céu noturno sugeriu que era uma rocha espacial.

    “Tem propriedades de ambos. Temos pessoas processando a filmagem e elaborando a trajetória dela”, disse O’Brien. “No momento, só podemos adivinhar. De qualquer forma, foi um evento incrível.”

    A maioria das bolas de fogo são visíveis apenas por alguns segundos, disse ela. Um meteorito que atingiu uma calçada no centro da Inglaterra no ano passado caiu no céu por sete segundos.

    A bola de fogo foi detectada por volta das 22h, horário local, na quarta-feira (14). A hora relativamente cedo, além do céu noturno claro, fez com que muitas pessoas vissem a bola de fogo mesmo em áreas como Glasgow, disse O’Brien. Muitos dos que tiveram a sorte de ver a bola de fogo compartilharam vídeos de celulares e câmeras de porta nas mídias sociais.

    Richard Kacerek, fundador da Rede de Observação de Meteoros do Reino Unido, disse que a avaliação inicial do grupo era de que se tratavam de detritos espaciais. “A julgar pelos vídeos gravados pelo público, parece estar se movendo muito mais devagar do que um meteoro”, disse ele.

    Cis Verbeeck, presidente da Organização Internacional de Meteoros, disse que o grupo recebeu mais de 800 relatórios em seu site e depois usou essas informações para compilar uma possível trajetória da bola de fogo.

    O caminho da bola de fogo sugeriu que ela passou pelo Canal do Norte, que separa a Escócia da Irlanda do Norte, e terminou sua jornada em algum lugar acima de Islay, uma ilha na costa oeste da Escócia.

    Este conteúdo foi criado originalmente em inglês.

    versão original