Câmara dos EUA aprova pacote de quase US$ 500 bi para empresas, saúde e testes

Com novo montante, que precisa da sanção de Donald Trump, dinheiro injetado pelo país na economia se aproximará de US$ 3 trilhões

Capitólio, sede do Congresso americano em Washington
Capitólio, sede do Congresso americano em Washington Foto: Tom Brenner/File Photo/ Reuters

Da CNN, em São Paulo*

Ouvir notícia

A Câmara dos Deputados dos Estados Unidos votou e aprovou nesta quinta-feira (23) um pacote de US$ 480 bilhões para apoio a pequenos empresários, hospitais e aumento da testagem para COVID-19. 

Com o novo montante, o total destinado pelos EUA para reduzir os impactos econômicos da pandemia do novo coronavírus chega a uma marca sem precedentes históricos, de quase US$ 3 trilhões.

O pacote teve 388 votos a favor e cinco contra, contando com o apoio mútuo de republicanos e democratas. O projeto já havia sido aprovado pelo Senado e agora precisa ser sancionado pelo presidente Donald Trump. Ele já sinalizou que é favorável e deve assinar a medida em breve.

Do valor aprovado, US$ 321 bilhões devem ir para um programa de crédito a pequenas e médias empresas, US$ 60 bilhões para uma segunda política de crédito de emergência, US$ 75 bilhões para financiar hospitais e US$ 25 bilhões para reforçar a capacidade de testagem de casos de coronavírus no país.

O aumento do financiamento para testes vem em um momento em que cresce a compreensão de que a capacidade de realizar testes precisa crescer e melhorar enquanto estados passam a considerar a reabertura dos comércios e a flexibilização de medidas de isolamento social.

*Com Reuters

Mais Recentes da CNN