Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Centenas de pessoas são resgatadas de incêndio em balsa durante travessia Grécia-Itália

    Duas pessoas permaneciam presas na garagem da embarcação. Não foram relatados mortos ou feridos com o acidente

    Karolina Tagaris e Renee Maltezouda Reuters

    Atenas

    Ouvir notícia

    Duas pessoas estão presas em uma balsa que foi atingida por um incêndio enquanto navegava entre a Grécia e a Itália na madrugada desta sexta-feira (18), informou a guarda costeira grega. Outros passageiros e tripulantes foram resgatados.

    A guarda costeira afirmou que no total 239 passageiros e 51 tripulantes estavam a bordo da Euroferry Olympia, de bandeira italiana, e a maioria deles foi transferida em embarcações de resgate para o porto da ilha de Corfu, onde ambulâncias esperavam.

    “Fomos acordados por volta das 4h20 da manhã. Em uma hora deixamos o navio… Fomos salvos pela tripulação, que agiu rápido”, disse um dos passageiros à Skai TV por telefone.

    Não foram feitos relatos imediatos de mortes ou feridos graves. Uma pessoa com problemas respiratórios foi levada a um hospital, segundo as autoridades de saúde locais.

    A mídia grega informou que pelo menos 10 pessoas estavam desaparecidas. As autoridades não puderam confirmar a informação, dizendo que a operação estava em andamento. Horas depois que o alarme foi disparado, o navio ainda estava em chamas.

    “Duas pessoas ficaram presas na garagem e estão sendo feitos esforços para levá-las ao convés”, disse um oficial da guarda costeira, acrescentando que um helicóptero estava esperando para levá-las de avião.

    Um vídeo publicado no site de notícias grego Proto Thema mostrou a balsa em chamas e envolta em enormes nuvens de fumaça. A balsa partiu de Igoumenitsa, o maior porto do oeste da Grécia, e se dirigia ao porto italiano de Brindisi, a nove horas de distância.

    Outro incêndio

    Um navio de carga abandonado, repleto de carros de luxo, está à deriva no Oceano Atlântico, depois de que um incêndio se espalhou rapidamente e forçou a tripulação a deixar a embarcação na quarta-feira (16). A embarcação tem 200 metros de cumprimento e estava a 90 milhas náuticas (cerca de 170 km) a sudoeste da ilha de Faial, no arquipélago português de Açores.

    Mais Recentes da CNN