China: 14 dias após explosão, 11 mineiros soterrados são resgatados

Vinte e dois trabalhadores ficaram presos a cerca de 600 metrosde profundidade na mina de Hushan em uma explosão em 10 de janeiro

Da CNN, em São Paulo*

Ouvir notícia

 

Onze mineiros de ouro foram resgatados neste domingo (24) na província chinesa de Shandong, 14 dias depois de ficarem presos embaixo da terra por uma explosão subterrânea, informou a emissora estatal CCTV.

Imagens mostraram o primeiro mineiro a ser resgatado, com uma venda preta nos olhos, sendo retirado de um poço de mina pela manhã.

O mineiro estava extremamente fraco, disse a CCTV. Equipes de resgate envolveram o homem – que quase não reagia – em um cobertor, antes de levá-lo ao hospital de ambulância.

Nas horas seguintes, dez mineiros de uma seção diferente da mina, que estavam recebendo alimentos e suprimentos de equipes de resgate na semana passada, foram trazidos à superfície.

Um ficou ferido, mas vários dos outros foram mostrados caminhando, apoiados por equipes de resgate e vestindo um pano preto sobre os olhos, antes de deixar o local em ambulâncias.

Vinte e dois trabalhadores ficaram presos a cerca de 600 metrosde profundidade na mina de Hushan em uma explosão em 10 de janeiro em Qixia, uma importante região produtora de ouro sob a administração de Yantai na província costeira de Shandong.

Ao menos um mineiro do grupo morreu.

As autoridades disseram na quinta-feira que pode levar mais duas semanas para limpar “bloqueios severos” antes que eles possam perfurar poços para alcançar todos os grupos.

* Com informações de Dominique Patton, da Reuters; e Helen Regan, da CNN

Tópicos

Mais Recentes da CNN