Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Colapso de mina na China deixa ao menos quatro mortos e 49 pessoas desaparecidas

    Episódio deixou uma pilha de detritos de aproximadamente 500 metris de diâmetro e cerca de 80 metros de altura

    Da Reuters

    O número de mortos no colapso de uma mina de carvão no interior da China subiu para pelo menos quatro pessoas nesta quinta-feira (23), com seis feridos e 49 desaparecidos, informou a mídia estatal.

    O episódio na quarta-feira (22) em uma mina a céu aberto na Alxa League operada pela Xinjing Coal Mining Co deixou uma pilha de detritos de aproximadamente 500 metris de diâmetro e cerca de 80 metros de altura, informou a mídia estatal.

    “Eu tinha acabado de começar a trabalhar quando percebi que pedras estavam caindo da montanha”, disse um minerador hospitalizado à emissora estatal CCTV.

    “Vi que a situação estava ficando cada vez mais grave e uma evacuação foi organizada, mas era tarde demais, a montanha simplesmente desabou”.

    O presidente Xi Jinping ordenou esforços de busca e resgate, informou a mídia estatal, embora um segundo deslizamento de terra à noite tenha prejudicado o trabalho de encontrar sobreviventes.

    “Devemos fazer todos os esforços possíveis para resgatar as pessoas desaparecidas e tratar os feridos”, disse.

    O primeiro-ministro Li Keqiang também exigiu uma investigação rápida sobre a causa do colapso.

    O carvão é uma importante fonte de energia na China, mas suas minas estão entre as mais mortíferas do mundo, em grande parte devido à aplicação negligente dos padrões de segurança, apesar das repetidas ordens do governo para melhorias na segurança ao longo dos anos.

    As minas da China também vêm tentando aumentar a produção no ano passado, sob um pedido do governo por maiores suprimentos e preços estáveis. A Mongólia Interior é a principal região produtora de carvão do país.

    Trezentos bombeiros, 60 carros de bombeiros e 6 cães de busca e resgate estiveram no local na quinta-feira para ajudar na busca de mineiros soterrados, informou a mídia estatal.

    A Comissão Nacional de Saúde disse na noite de quarta-feira que seis feridos foram resgatados e enviou 15 ambulâncias e 45 equipes médicas para ajudar no resgate.

    A mina anteriormente subterrânea foi convertida em uma operação a céu aberto em 2012, de acordo com a mídia estatal. Ela suspendeu a produção por três anos antes de reiniciar em abril de 2021, informou a mídia estatal.