COVID-19: Rússia tem maior aumento diário de casos e passa de 15 mil infectados

Há cerca de 20 dias, o governo russo noticiava que a doença estava "sob controle" no país. Desde então houve um grande aumento de casos e já são 130 mortos

Da CNN

Ouvir notícia
aguarde…
Presidente da Rússia, Vladimir Putin
Presidente da Rússia, Vladimir Putin
Foto: Valter Campanato/Agência Brasil

A Rússia anunciou o maior aumento diário de casos do novo coronavírus (COVID-19). Neste domingo (12), a agência estatal Tass informou que o país registrou 2.186 novos casos em 24 horas.

Com o aumento, o país tem agora 15.770 casos confirmadas pelas contas oficiais.

O país também registrou 24 novas mortes e o total de óbitos pela doença chegou a 130. A maioria dos casos está concentrada em Moscou, que tem 10.158 pessoas infectadas.

Nas últimas 24 horas, a capital russa registrou 1.306 novos casos da COVID-19 e 14 mortes. 

Há cerca de 20 dias, o governo russo noticiava que a doença estava “sob controle” no país, graças a medidas precoces e agressivas para impedir que mais pessoas sofram da doença. Desde então, porém, o país viu a disseminação do vírus avançar e tomou ações como uma quarentena geral em Moscou e restrições a voos internacionais

Mais Recentes da CNN