Duas grandes tempestades se formam no leste asiático

China e Taiwan devem sentir efeitos de fortes chuvas e ventos. No Japão, surfistas poderão ter ondas maiores nas primeiras provas olímpicas

Tufão Cempaka se aproxima do leste asiático
Tufão Cempaka se aproxima do leste asiático Foto: Reprodução/CNN Weather

Jackson Dill e Joshua Berlinger, da CNN, de Hong Kong

Ouvir notícia

Duas grandes tempestades se formaram nas águas do leste asiático, e ambas devem atingir a região com ventos e chuvas fortes nos próximos dias.

A tempestade tropical Cempaka se fortaleceu e transformou-se em um tufão no início da terça-feira (20) sobre o Mar do Sul da China. A tempestade tinha ventos de até 120 km/h e estava localizada a cerca de 185 quilômetros a sudoeste de Hong Kong a partir das 5 da manhã (6h pelo horário de Brasília).

A expectativa é que o Cempaka não se intensifique ao se aproximar de terra. Um Sinal de Vento Forte Nº 3 foi emitido para Hong Kong, indicando velocidades de vento de 41 a 62 km/h, de acordo com os sinais de aviso de tufão do Observatório de Hong Kong.

A outra tempestade, In-Fa, está seguindo mais ao norte, impactando principalmente as ilhas do sul do Japão e Taiwan. É previsto que ela se reforce em um tufão na terça-feira à noite, mas não é provável que interaja com Cempaka.

O In-Fa deve trazer chuva para o Japão antes dos Jogos Olímpicos, que começam na sexta-feira (23) em Tóquio. As grandes ondas associadas à tempestade podem ser um trunfo para os surfistas que treinam para a competição olímpica inaugural do surfe.

Espera-se que o Cempaka aterrise terça-feira à tarde ou à noite perto da cidade de Yangjiang, na província chinesa de Guangdong, trazendo chuvas fortes e inundações para a região sudeste do país durante grande parte desta semana.

Uma precipitação generalizada de 100 a 200 milímetros também é esperada para as províncias de Guangdong, Guangxi e Hainan. Locais isolados podem ter até 500 milímetros de chuva na sexta-feira. Haverá também ventos fortes e fortes, especialmente perto da costa, onde a tempestade encostará em terra, o que poderá causar falhas isoladas de energia.

O Centro de Alerta Conjunto contra Tufões disse que espera que Cempaka se espalhe por estas províncias e possivelmente volte a emergir sobre o Mar do Sul da China até este fim de semana, mantendo um risco elevado de chuva e inundações, especialmente perto da costa.

Monitorando o Cempaka

O In-Fa, por sua vez, se fortalecerá em um tufão até o meio da semana, quando se dirige para Taiwan. Até sexta-feira, espera-se que passe pelo norte da ilha, trazendo uma chuva muito esperada, já que Taiwan está sofrendo sua pior seca em mais de 50 anos.

Prevê-se, então, que o In-fa atinja a terra na China no final da noite de sábado, no início da manhã de domingo (horário local), ao longo da costa central da província de Fujian.

Tufões poderosos são uma ocorrência regular durante o verão no sul da China, embora possam se formar durante todo o ano devido às águas quentes do Pacífico. Portanto, ao contrário da temporada de furacões do Atlântico, a temporada de tufões do Pacífico Ocidental não tem um início e fim definidos.

Mais Recentes da CNN