Elefantes viajam mais de 500 quilômetros e viram atração na China

Há mais de um ano a manada de elefantes asiáticos está vagando pela província de Yunnan, no sul do país, depois de deixar uma reserva natural em março de 2020

Da CNN

Ouvir notícia

Quinze elefantes viraram celebridades na China, ao cruzarem mais de 500 quilômetros no sul do país. Autoridades chinesas filmaram a viagem da manada e os animais viraram sensação nas redes sociais.

Há mais de um ano a manada de elefantes asiáticos está vagando pela província de Yunnan, no sul do país, depois de deixar uma reserva natural em março do ano passado. Autoridades seguem a manada dia e noite com drones e e exibem as imagens em uma live 24 horas. Isso fez com que eles virassem um fenômeno nacional e uma sensação nas redes sociais.

“Os elefantes são animais muito espertos, muito inteligentes. Depois que saem da floresta e notam a comida que colocamos no cesto para eles, eles provam e adoram. É como crianças pela primeira vez em uma sorveteria. Depois que provam o sorvete, não querem mais ir embora”, diz Becky Shu Chen, coordenadora de projetos da China na sociedade zoológica de Londres.

Viagem de elefantes vira atração na China (12.Jun.2021)
Viagem de elefantes vira atração na China (12.Jun.2021)
Foto: Reprodução/CNN

As estrelas do reality show – cuja hashtag foi vista mais de 140 milhões de vezes – são dois filhotes. Um deles nasceu apenas alguns meses atrás. Graças aos pais atentos, eles foram salvos de se afogar no rio e de fossas pelas quais passaram. A 

Apesar de divertir, a migração dos elefantes levanta questões sérias por lá. Embora os especialistas não saibam a razão da viagem, os conservacionistas dizem que seu habitat está sendo destruído e substituído por plantações de borracha e outras culturas lucrativas.

Ninguém sabe ao certo como pará-los. As autoridades tentam atrair diariamente os elefantes com toneladas de alimento e criam barreiras para redirecioná-los das zonas urbanas do Norte, sobretudo da cidade de Kun-Ming, que tem 8 milhões de pessoas.

Existem apenas 300 elefantes asiáticos na China, o que os coloca na lista das espécies em perigo. E, embora os habitantes locais tenham sido tolerantes com prejuízo de mais de US$ 1 milhão provocado nas plantações, a paciência pode estar se esgotando.

“No momento, a percepção geral sobre os elefantes é que eles são animais amigáveis, bonitos e inteligentes e nós os recebemos bem. Mas a verdade é que se eles causarem ferimentos ou mortes, a percepção do público pode mudar totalmente. Se ocorrerem conflitos, a tolerância das pessoas pode ser muito baixa”, prevê a coordenadora. 

Tópicos

Mais Recentes da CNN