Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Em Moscou, Modi critica morte de crianças após ataque a hospital de Kiev

    Premiê indiano defende solução diplomática à guerra da Ucrânia

    Premiê Narendra Modi em Moscou, na Rússia
    Premiê Narendra Modi em Moscou, na Rússia Reuters

    Da Reuters

    O primeiro-ministro indiano, Narenda Modi, disse ao presidente russo, Vladimir Putin, nesta terça-feira (9), que a morte de crianças inocentes foi muito dolorosa, um dia depois de um ataque letal a um hospital infantil em Kiev.

    O líder indiano fez as declarações televisivas numa reunião com Putin no Kremlin.

    A Ucrânia afirma ter recuperado fragmentos de um míssil de cruzeiro russo Kh-101 no hospital, que foi atingido na segunda-feira (7) durante uma onda de ataques russos que matou pelo menos 41 ucranianos em todo o país.

    A Rússia afirmou, sem fornecer provas, que foi um sistema antimísseis ucraniano que atingiu o hospital.

    Modi disse a Putin que a morte de crianças inocentes em guerras, conflitos ou ataques terroristas era “muito dolorosa”. Ele também disse que uma solução para a guerra na Ucrânia “não pode ser encontrada no campo de batalha… temos que encontrar a paz através de negociações”.

    Putin, falando perante Modi, disse que os dois países desfrutam de uma parceria estratégica especial e agradeceu-lhe pelos seus esforços para encontrar uma solução pacífica para a guerra.

    Ele deu as boas-vindas a Modi no Kremlin num encontro para negociações sobre o aprofundamento da relação bilateral, um dia depois de os Estados Unidos terem afirmado que levantaram preocupações à Índia sobre os seus laços com Moscou.

    “As nossas relações têm o carácter de uma parceria estratégica particularmente privilegiada”, disse Putin.

    “Agradeço a atenção que vocês estão prestando aos problemas mais graves, incluindo a tentativa de encontrar formas de resolver a crise ucraniana, sobretudo por meios pacíficos, é claro”.

    A Índia tornou-se um parceiro cada vez mais importante para a Rússia, atingida por sanções, à medida que afasta o seu comércio do Ocidente e procura demonstrar que as tentativas ocidentais de isolá-la falharam.

    A Índia absteve-se de criticar a Rússia durante a guerra e aumentou as suas compras de petróleo russo barato para níveis recorde, ao mesmo tempo que instou a Ucrânia e a Rússia a resolverem o seu conflito através do diálogo e da diplomacia.