Ex-gerente de campanha de Trump é hospitalizado após tentativa de suicídio

Brad Parscale foi rebaixado de posição por Trump após o comício deste ano em Tulsa, Oklahoma

Apoiadores nas arquibancadas do BOK Center, em Tulsa, durante comício do presidente dos Estados Unidos Donald Trump. Evento foi organizado por Brad Parscale
Apoiadores nas arquibancadas do BOK Center, em Tulsa, durante comício do presidente dos Estados Unidos Donald Trump. Evento foi organizado por Brad Parscale Foto: Evan Vucci/AP (20.jun.2020)

Kaitlan Collins e Hollie Silverman, da CNN

Ouvir notícia

O ex-gerente de campanha do presidente Donald Trump, Brad Parscale, foi hospitalizado nesse domingo (27) após tentativa de suicídio em sua casa, na Flórida.

De acordo com a sargento do Departamento de Polícia de Fort Lauderdale, DeAnna Greenlaw, policiais foram chamados à residência de Parscale após ligação de sua esposa, que relatou tentativas de suicídio do marido. “Quando os policiais chegaram ao local, eles fizeram contato com a esposa do sujeito, que avisou que seu marido estava armado, tinha acesso a várias armas de fogo dentro da residência e estava ameaçando se machucar”, disse Greenlaw à CNN.

Leia também:
Onde assistir ao primeiro debate entre Joe Biden e Donald Trump
Trump ficou 10 anos sem pagar imposto de renda, diz NYT
Trump provoca Biden e diz que exigirá teste antidoping antes de debate

Brad Parscale é ex-gerente da campanha de Trump
Brad Parscale é ex-gerente da campanha de Trump
Foto: CNN

A oficial afirmou que os agentes conseguiram negociar com Brad Pascale, que foi levado sem ferimentos ao hospital Broward Health Medical Center com base na lei Baker Act. Segundo a chefe da polícia de Fort Lauderdale, Karen Dietrich, uma equipe da SWAT chegou ao local em um curto período de tempo e fez o indivíduo se render.

Baker Act é uma lei da Flórida que permite às famílias serviços de saúde mental de emergência e detenção temporária para pessoas com deficiência mental, de acordo com a University of Florida Health.

Nomeado em fevereiro de 2018, Brad Parscale foi rebaixado da posição de gerente de campanha de Trump após o comício deste ano em Tulsa, Oklahoma. Ele não foi visto em seu escritório desde que perdeu o cargo, afirmou uma fonte à CNN. “Brad Parscale é membro de nossa família e todos o amamos. Estamos prontos para apoiar ele e sua família de todas as maneiras possíveis”, disse Tim Murtaugh, gerente de comunicação da campanha do presidente.

Parscale trabalhou para a família Trump anos antes da candidatura presidencial do atual presidente. De acordo com os analistas da CNN, ele ficou conhecido por ser como um “guru digital”, que ajudou a garantir a vitória da última eleição após uma análise de dados de campanha quatro anos atrás.

Trump participará nesta terça-feira (29) do primeiro debate das eleições dos Estados Unidos contra Joe Biden. A CNN Brasil transmitirá o encontro, às 22 horas.

(Texto traduzido. Leia o original em inglês)

Mais Recentes da CNN