Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    França declara estado de emergência em ilha atingida por onda de violência

    Escolas foram fechadas e já há toque de recolher na capital

    Violência na Nova Caledônia
    Violência na Nova Caledônia Reuters

    Da Reuters

    A França declarou estado de emergência na ilha da Nova Caledônia, no Pacífico, nesta quarta-feira (15), depois que três jovens indígenas Kanak e um policial terem sido mortos em tumultos por causa da reforma eleitoral.

    O estado de emergência dará às autoridades poderes adicionais para proibir reuniões e proibir as pessoas de se deslocarem pela ilha sob domínio francês.

    Quinhentos policiais foram enviados ao território para reforçar as forças atuais – depois que os manifestantes incendiaram veículos e empresas e saquearam lojas. As escolas foram fechadas e já há toque de recolher na capital.

    Os tumultos eclodiram por causa de um novo projeto de lei, adotado pelos legisladores em Paris na terça-feira (14), que permitirá que residentes franceses que vivem na Nova Caledônia há 10 anos votem nas eleições provinciais – uma medida que alguns líderes locais temem que dilua o voto Kanak.

    O estado de emergência vai durar 12 dias, segundo o porta-voz do governo.