Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Fronteira de Rafah é fechada temporariamente; brasileiros aguardam passagem

    Segundo informações preliminares, houve um incidente na linha que separa o norte e o sul de Israel

    Pedro Nogueirada CNN

    em Brasília

    A fronteira de Rafah, na Faixa de Gaza, fechou temporariamente, segundo o Itamaraty. O grupo de brasileiros que recebeu autorização nesta sexta-feira (10) para atravessar para o Egito aguarda a liberação.

    Houve um incidente na linha que separa o norte e o sul de Israel. Dois motoristas de ambulância teriam sido presos.

    Segundo informações da analista de política da CNN Basília Rodrigues, os brasileiros não deve mais sair de Gaza nesta sexta-feira.

    Das mais de 30 pessoas autorizadas a deixar a Faixa de Gaza e que serão repatriadas pelo governo brasileiro, 22 têm dupla nacionalidade brasileira-palestina, nove são palestinos e dois de outros países.

    Quinze integrantes são menores de idade, sendo três deles bebês e seis crianças. Também há uma idosa na lista – apesar de não constar na primeira versão divulgada, fontes do Itamaraty disseram à CNN que a avó da jovem de 18 anos Shahed Al-Banna recebeu autorização para deixar o território palestino.

    Assim que chegarem no território egípcio, eles farão um trajeto 55 km por via terrestre até chegar ao aeroporto de Al-Arish.

    FOTOS – Veja imagens do conflito entre Israel e Hamas

    Lá, uma aeronave da Presidência da República os espera os brasileiros para partirem ao Brasil.

    A expectativa é de que o primeiro voo com repatriados de Gaza chegue em solos brasileiros no próximo domingo (12).

    Os brasileiros e familiares entraram na 8ª lista de estrangeiros autorizados a deixar a Faixa de Gaza pela passagem de Rafah ao Egito. O conflito na região ocorre há mais de um mês. Ao todo, 4.026 pessoas foram autorizadas a deixar a Faixa de Gaza.

    (Com informações de Marina Toledo)