Governadores enviam carta a Biden propondo parceria em prol do meio ambiente

Documento foi assinado por um grupo de governadores de 23 estados e do Distrito Federal

Renato Barcellos, da CNN, em São Paulo

Ouvir notícia

Um grupo de governadores de 23 estados e do Distrito Federal escreveram uma carta destinada ao presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, para propor uma parceria entre os EUA e o Brasil em prol do meio ambiente e do desenvolvimento sustentável. 

O documento foi entregue ao embaixador dos EUA no Brasil, Todd Chapman, dois dias antes do início da Cúpula de Líderes pelo Clima, convocada por Biden e que contará com a participação do presidente Jair Bolsonaro (sem partido).

 

A carta propõe uma parceria para impulsionar um novo modelo de economia sustentável que visa para reverter o aquecimento global e reduzir desigualdades.

“Seja nos EUA ou no Brasil, governadores são essenciais no alcance de metas”, escreveu Chapman em uma rede social.

 

O ex-secretário do Meio Ambiente de Pernambuco e articulador da iniciativa Governadores Pelo Clima no Centro Brasil do Clima (CBC), Sergio Xavier, também participou da reunião virtual com o embaixador.

De acordo come ele, governadores são elos estratégicos para conectar demandas e soluções práticas e podem interligar rapidamente conhecimentos, políticas públicas e investimentos para viabilizar uma nova economia de regeneração social e ambiental.

O governador do Mato Grosso, Mauro Mendes (DEM), representou a região Centro-Oeste e celebrou a oportunidade de poder dialogar com os EUA. “Que esta união possa gerar frutos e políticas públicas colaborativas e reforce a importância deste tema para a agenda global”, disse.

Joe Biden
O presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, durante coletiva de imprensa
Foto: CNN (25.mar.2021)

 

Helder Barbalho (MDB), governador do Pará e representante da região Norte, destacou as qualidades do país. 

“O Brasil tem a maior floresta e a maior bacia hidrográfica do Planeta e agora precisamos encontrar soluções econômicas que consigam responder às expectativas que o planeta tanto espera de nós”, afirmou.

Não assinaram a carta e nem participaram da reunião virtual os governadores de Roraima, Rondônia e Santa Catarina.

Mais Recentes da CNN