Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Hackers russos preparam novo ataque contra Ucrânia, diz relatório da Microsoft

    As descobertas surgem no momento em que a Rússia introduz novas tropas no campo de batalha no leste da Ucrânia, de acordo com autoridades de segurança ocidentais

    Reuters

    Hackers russos parecem estar preparando uma nova onda de ataques contra a Ucrânia, incluindo uma ameaça em “estilo ransomware” a organizações que atendem às linhas de abastecimento, informou um relatório da Microsoft divulgado nesta quarta-feira (15).

    O relatório, de autoria da equipe de pesquisa e análise de segurança cibernética da gigante da tecnologia, descreve uma série de novas descobertas sobre como os hackers russos têm operado durante o conflito na Ucrânia e o que pode vir a seguir.

    “Desde janeiro de 2023, a Microsoft observou a atividade de ameaças cibernéticas russas se ajustando para aumentar a capacidade destrutiva e de coleta de informações na Ucrânia e nos ativos civis e militares de seus parceiros”, diz o relatório. Um grupo “parece estar se preparando para uma nova campanha destrutiva”.

    As descobertas surgem no momento em que a Rússia introduz novas tropas no campo de batalha no leste da Ucrânia, de acordo com autoridades de segurança ocidentais.

    O ministro da Defesa da Ucrânia, Oleksiy Reznikov, alertou no mês passado que a Rússia poderia acelerar suas atividades militares em torno do aniversário de sua invasão, em 24 de fevereiro.

    A embaixada russa em Washington não respondeu imediatamente a um pedido de comentário.

    Especialistas dizem que a tática de combinar operações militares físicas com técnicas digitais espelha a atividade russa anterior.