Homem foragido por quase 30 anos se entrega à polícia da Austrália

Darko Desic tinha 35 anos quando fugiu de um centro de custódia; aos 64 anos, ele voltou a ser preso e deverá ser julgado pela fuga ainda neste mês

Desic fugiu do centro correcional Grafton, em 1992; neste domingo, ele se entregou às autoridades locais de Sidney
Desic fugiu do centro correcional Grafton, em 1992; neste domingo, ele se entregou às autoridades locais de Sidney Reprodução CNNi / Alamy Stock Photo

Jack Guyda CNN

Ouvir notícia

Um homem que passou quase 30 anos fugindo após supostamente usar a lâmina de uma serra e um alicate para escapar da prisão se entregou à polícia na Austrália.

O homem escapou de um centro prisional durante a noite de 31 de julho de 1992, de acordo com um comunicado da Força Policial de New South Wales (NSW) nesta quarta-feira (15).

“Na época, os esforços para localizar o homem não tiveram sucesso”, diz o comunicado.

O nome do fugitivo é Darko Desic, revelou um porta-voz da polícia de NSW à CNN nesta quinta-feira (16).

Desic tinha 35 anos quando fugiu e, agora, com 64 anos foi à delegacia de polícia de Dee Why e se entregou no último domingo.

Ele foi preso novamente – desta vez, acusado de escapar da custódia legal.

“A polícia vai alegar que o homem usou ferramentas, incluindo uma lâmina de serra e alicate para se libertar da prisão em 1992”, diz o comunicado.

Desic teve a possibilidade de fiança recusada e compareceu ao tribunal nesta terça. Ele deverá aparecer no tribunal novamente em 28 de setembro, disse a polícia.

A CNN não conseguiu entrar em contato com os representantes legais da Desic para comentar o caso.

O canal de TV afiliado da CNN 9News relatou que Desic escapou da custódia da polícia em 1992 porque não queria ser deportado para a Iugoslávia, que enfrentava uma guerra civil na época.

Desde que fugiu, ele fez trabalhos braçais na região e era conhecido pelo nome de “Dougie”, relatou o 9News.

Recentemente, Desic estava dormindo nas areia de Avalon, nas praias do norte de Sydney, acrescentou o 9News.

A moradora local Belle Higgins criou uma página de arrecadação de fundos para ajudar Desic.

A campanha arrecadou mais de 6 mil dólares australianos (US$ 4.390) em quatro horas.

(Este texto é uma tradução. Para ler o original, em inglês, clique aqui)

Mais Recentes da CNN