Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    #CNNPop

    Homem passa por modificações corporais extremas para se tornar um “alien”

    Francês afirma que as pessoas têm medo dele e confessa passar dificuldades para conseguir emprego

    Natanael Oliveirada CNN

    Quem não tem um objetivo na vida e sonha todos os dias em realizá-lo? Muitas pessoas visam alcançar um bom emprego, viajar para aquele país que sempre quis, ou até mesmo ir no show do seu artista favorito.

    Para o francês Anthony Loffredo, o objetivo de sua vida pode ser considerado “incomum” para a maioria das pessoas. O sonho do homem de 33 anos, na realidade, é se tornar o mais próximo possível do que seria um “alien negro”.

    Dono de uma página no Instagram com mais de 1 milhão de seguidores chamada “Black Alien Project”, Loffredo passou por modificações corporais extremas para alcançar seu objetivo.

    Ele removeu as orelhas, o nariz e até alguns dedos, além de afiar e pintar os dentes de roxo, bifurcar a língua e cobrir seu corpo com tatuagens.

    Ao podcast mexicano Club 113, o francês afirma que antes das modificações, vivia em “um corpo na qual não pertencia”. Ele diz que sua aparência atual faz com que as pessoas se tornem “mais seguras” em relação ao próprio corpo.

    Anthony também revelou que as cirurgias começaram há sete anos e agora se tornaram um vício. Ele afirma que desde a adolescência era apaixonado por “mutações e transformações”.

    Dificuldades para ser aceito

    Mesmo se sentindo feliz com sua aparência, o francês lamenta a falta de oportunidades de trabalho. Para viver, ele trabalha temporariamente como tatuador.

    “Não consigo encontrar um emprego. Tem muita coisa negativa [sobre modificações no corpo]. Pode ser positivo porque você se sente melhor, mas você tem que saber que há um lado sombrio”, admite ao podcast.

    Anthony também confessa que passar por “lutas diariamente”, principalmente porque as pessoas não entendem seu sonho. “Todo dia você encontra gente que não entende, que quer julgar”, diz.

    Ninguém sabe o que se passa na cabeça de alguém e porque ela está fazendo isso. Você precisa conversar com essa pessoa, não julgá-la.

    Anthony Loffredo

    Na vida pessoal, o entusiasta das modificações corporais garante que é apenas um “cara normal” com a família e amigos.

    Novas transformações corporais

    Ao Club 113, Anthony revela que as modificações corporais ainda estão longe de acabar. Ele afirma que concluiu apenas 46% de todas as transformações corporais que pretende fazer.

    Entre as próximas intervenções cirúrgicas, a mais ambiciosa é a retirada de uma das pernas.

    “Estou pronto [para remover a perna]. Mas é algo muito difícil porque tenho uma perna saudável e uma amputação é algo grande”, explica.