Indonésia: Condenado à pena de morte foge de prisão por canos de esgoto

No corredor da morte desde 2017, traficante de drogas chinês escapa pela segunda vez de uma prisão na Indonésia

Cai Changpan, também conhecido como Cai Ji Fan, foi preso na área de Tangerang, nos arredores da capital Jacarta
Cai Changpan, também conhecido como Cai Ji Fan, foi preso na área de Tangerang, nos arredores da capital Jacarta Foto: Ichigo121212/ Pixabay

Fanny Potkin,

da Reuters

Ouvir notícia

No corredor da morte na Indonésia, um traficante de drogas chinês realizou uma fuga ousada na última semana, abrindo um túnel no sistema de esgoto, anunciou a polícia local nesta segunda-feira.

Cai Changpan, também conhecido como Cai Ji Fan, foi preso na área de Tangerang, nos arredores da capital Jacarta, sob a acusação de contrabando de metanfetamina. Na segunda-feira passada, ele escapou cavando um buraco de sua cela e, por canos de esgosto, chegou a uma estrada fora da prisão, de acordo com o porta-voz da polícia de Jacarta, Yusri Yunus.

Leia também:
Morte de centenas de elefantes na Botsuana foi causada por toxinas na água

Cai estava planejando esta fuga por cinco a seis meses, segundo seu companheiro de cela. Ele cavou o buraco usando ferramentas de um projeto de construção na cozinha da prisão, explicou Yunus.

De acordo com a porta-voz da Diretoria Geral de Prisões da Indonésia, Rika Aprianti, Cai executou sua fuga durante a troca dos guardas da prisão.

O chinês foi condenado à morte em 2017 por tráfico de 135 quilos de metanfetamina, de acordo com o site de notícias indonésio detik.com. Uma investigação policial encontrou 70 quilos de metanfetamina escondidos em equipamentos de limpeza de galinheiros.

Essa não é a primeira fuga de Cai; em 2017, ele fugiu de um centro de detenção policial em Jacarta ao abrir um buraco na parede de um banheiro. Após a fuga mais recente, ele volta à lista de procurados da polícia indonésia.

Tópicos

Mais Recentes da CNN