Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Israel faz operação militar na Cisjordânia

    Crescente Vermelho diz que homem baleado foi preso

    Imagens mostram o que seriam veículos militares perto do campo de refugiados de Jenin e sons de tiros pesados.
    Imagens mostram o que seriam veículos militares perto do campo de refugiados de Jenin e sons de tiros pesados. Getty Images

    Kareem KhadderTamar Michaelisda CNN

    Uma operação militar israelense e confrontos foram relatados em Jenin, na Cisjordânia ocupada, nesta terça-feira (28), de acordo com um jornalista local que está na região e um vídeo obtido pela CNN.

    As imagens mostram o que seriam veículos militares perto do campo de refugiados de Jenin e sons de tiros pesados.

    As Forças de Defesa de Israel (FDI) enviaram um comunicado à CNN dizendo que estavam “conduzindo atividades antiterroristas na área”.

    Durante a ação, um homem ferido na casa dos 20 anos foi retirado de uma ambulância e preso pelas forças israelenses, segundo afirmou o porta-voz da Sociedade do Crescente Vermelho Palestino de Jenin, Mahmoud Al-Saadi, à CNN.

    O homem foi baleado na perna e foi preso enquanto os paramédicos tentavam transportá-lo para o Hospital Governamental de Jenin, disse Al-Saadi.

    A equipe de serviços médicos de emergência do Crescente Vermelho que atendeu o homem ferido também ficou detida por cerca de uma hora em frente ao hospital, destacou o porta-voz.

    “Os militares israelenses pararam a ambulância por cerca de uma hora em frente ao hospital” antes de levar o homem ferido em uma ambulância militar israelense, pontuou Al-Saadi.

    Isso impediu “que transferissem um ferido por bala na perna para o hospital”, complementou.

    “Os militares israelenses cercaram todos os três principais hospitais em Jenin: o Hospital Governamental de Jenin, o Hospital Ibn Sina e o Hospital Al-Razi e verificam todas as ambulâncias que vão ou vem desses hospitais”, alegou Al-Saadi à CNN.

    “Evacuamos três feridos por bala para hospitais esta noite e a situação é muito difícil, com tiroteios pesados e confrontos. Também podemos ouvir explosões à distância”, concluiu.

    As FDI disseram à CNN que não comentariam a atividade militar em curso na área, mas espera-se que continue durante a noite.