Itamaraty teme que Bolsonaro mude discurso na Assembleia-Geral da ONU

O presidente discursará na abertura debate geral dos chefes de estado nesta terça-feira (21)

Da CNN

em São Paulo

Ouvir notícia

Há uma grande apreensão do Ministério das Relações Exteriores se o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) vai acatar a versão do discurso elaborada pela pasta na Assembleia-Geral das ONU (Organização das Nações Unidas) na próxima terça-feira (21). As informações são do analista de política da CNN Caio Junqueira.

No texto, são abordados temas como o desenvolvimento sustentável, o combate ao desmatamento e a recuperação econômica do país. Contudo, o chefe do Executivo já afirmou à CNN que fará improvisos na fala.

De acordo com informações recebidas pelo analista, será perceptível no discurso a parte institucional, do Itamaraty, e aquela mais próxima do Palácio do Planalto, do presidente em si.

Porém, há a crença de que o essencial da proposta da diplomacia brasileira tenha sido preservada.

Apesar disso, a versão do Ministério das Relações Exteriores ainda não foi entregue a alguns diplomatas, o que normalmente acontece com antecedência por questões operacionais, como a tradução.

(Publicado por Evandro Furoni)

Mais Recentes da CNN