Jornalista da CNN mostra estragos causados pela explosão em Beirute; assista

Em menos de 24 horas depois da grande explosão na capital libanesa, o cenário é de destruição

Da CNN

Ouvir notícia

O repórter da CNN Ben Wederman, que está em Beirute, capital do Líbano, circulou nesta quarta-feira (5) pela região do porto, atingida pela explosão dessa terça (4).

Em menos de 24 horas depois da grande explosão na capital libanesa, as imagens são de destruição. O governo, inclusive, declarou a cidade como uma zona de desastre.

“Você pode ver atrás de mim o tamanho da destruição nesta área, que não é muito longe do porto. Quase todas as janelas foram destruídas, e os carros foram danificados. A polícia tem percorrido áreas para tentar registrar todo o saldo da destruição, e o governo está aportando milhões de dólares para tentar reconstruir a cidade”, falou Wederman.

O problema, disse o jornalista, é que o governo libanês não tem recursos financeiros.

“A economia está em queda livre e os tradicionais investidores do Líbano abandonaram o país”, explicou. “Então, a responsabilidade está nas mãos das pessoas comuns que vão tentar fazer o que podem para tentar limpar essa bagunça”, acrescentou.

Assista e leia também:

Explosão em Beirute: o que se sabe até agora

‘O Líbano precisa de todo tipo de ajuda’, diz embaixador no Brasil

Médico que socorreu feridos na explosão relata situação em hospital de Beirute

Ao mostrar a destruição do escritório da CNN no Líbano, o repórter relatou “nunca ter visto nada parecido” com o que ocorreu em Beirute, mesmo quando cobriu guerras em outros países.

(Edição: Sinara Peixoto)

Mais Recentes da CNN