Líder global em vacinação contra Covid, Israel reduz infecções e casos graves

País já vacinou mais da metade da população contra a Covid-19

Da CNN, em São Paulo

Ouvir notícia

 

Um estudo publicado em Israel comprovou que a campanha de imunização do país já está impactando na diminuição do número de internações e na prevenção de casos graves de Covid-19.

Israel tem a maior taxa de vacinação per capita do mundo. O país já imunizou mais de 5,3 milhões de pessoas e a nação, ao todo, tem menos de 10 milhões de habitantes. Pelo menos metade dos israelenses já receberam, ao menos, uma dose de vacina contra a Covid-19.

 

De acordo com este estudo feito pelo Instituto de Tecnologia de Israel, e que diz respeito a vacina da Pfizer, a campanha teve um impacto de 66% a 85% na redução das infecções e de 87% a 96% na prevenção de casos graves da doença.

Apesar de serem números um pouco abaixo dos apresentados nos estudos de fase 3 dos testes, os pesquisadores e cientistas estão bastante otimistas. 

Por conta dos bons resultados, o governo de Israel decidiu flexibilizar as regras de isolamento. A partir deste domingo (7), as pessoas não terão mais a circulação restrita a apenas 1 quilômetro de suas casas, os parques nacionais serão reabertos, os restaurantes passarão a vender comida por delivery e os locais de trabalho privado podem voltar a funcionar. 

Em consequência das mutações dos vírus que estão circulando no país, a média de infecção ainda é alta, chegando a 7 mil casos diários. Ao todo, 5 mil pessoas morreram em decorrência da doença.

Mais Recentes da CNN