Mais pessoas estão entrando na Ucrânia vindo da Polônia do que o inverso

Conforme o foco da guerra muda para o leste ucraniano, alguns dos que fugiram para países vizinhos retornam às áreas recuperadas pelas forças ucranianas

Pessoas fogem da invasão russa à Ucrânia para a Polônia
Pessoas fogem da invasão russa à Ucrânia para a Polônia Grzegorz Celejewski/Agencja Wyborcza.pl via REUTERS

Lauren Kentda CNN

Ouvir notícia

Mais pessoas entraram na Ucrânia da Polônia na sexta e no sábado (16) do que o número de pessoas que cruzaram a fronteira no sentido inverso, segundo a Guarda de Fronteira Polonesa, pela primeira vez desde que a Rússia lançou sua invasão em 24 de fevereiro.

A agência de fronteira polonesa registrou 22 mil pessoas cruzando para a Ucrânia da Polônia no sábado, com 19.200 pessoas viajando na outra direção.

Na sexta-feira, a agência registrou 25.100 pessoas entrando na Ucrânia e 24.400 pessoas viajando para a Polônia. Alguns dos que entram e saem da Ucrânia são trabalhadores humanitários que cruzam a fronteira com frequência.

“Somos vizinhos da Ucrânia não apenas literalmente, mas também no sentido da história comum e da compreensão da situação”, disse o presidente polonês, Andrej Duda, na quarta-feira (13).

Algum contexto: Mais de 2,7 milhões de refugiados fugiram da Ucrânia para a Polônia desde o início da invasão russa, mais do que qualquer outro país.

À medida que o foco da guerra da Rússia mudou para o leste da Ucrânia, alguns dos que fugiram para a Polônia e outros países vizinhos retornaram às áreas recuperadas pelas forças ucranianas.

Este conteúdo foi criado originalmente em inglês.

versão original

Mais Recentes da CNN