Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Ministros de Rússia e Turquia conversam após Turquia enviar comandantes ucranianos para casa

    Ministérios das Relações Exteriores dos países informaram que Sergei Lavrov, ministro da Rússa, e Hakan Fidan, da Turquia, discutiram a situação na Ucrânia

    da Reuters

    Os ministros das Relações Exteriores da Rússia e da Turquia conversaram por telefone neste domingo (8), um dia depois de Ancara ter irritado Moscou ao enviar cinco comandantes ucranianos para casa com o presidente Volodymyr Zelenskiy, no que a Rússia chamou de violação de um acordo de troca de prisioneiros.

    Os ministérios das Relações Exteriores dos países informaram que Sergei Lavrov, ministro da Rússa, e Hakan Fidan, da Turquia, discutiram a situação na Ucrânia, bem como um acordo de exportação de grãos do Mar Negro que suspendeu o bloqueio da Rússia aos portos ucranianos no ano passado.

    Moscou ameaçou encerrar o acordo de exportação de grãos em 17 de julho, quando deveria ser renovado, dizendo que as demandas para facilitar as vendas de seus próprios grãos e fertilizantes não foram atendidas.

    O presidente da Turquia, Tayyip Erdogan, disse no sábado que estava pressionando a Rússia para prorrogar o acordo que foi negociado no ano passado por Ancara e as Nações Unidas por pelo menos três meses.

    O ministério russo disse que os dois lados se concentraram nos acontecimentos recentes na Ucrânia, incluindo a decisão de Ancara de devolver comandantes detidos da unidade ucraniana de Azov, que defendeu uma siderúrgica na cidade portuária ucraniana de Mariupol no ano passado.