Na China, bombeiros tentam há 12 horas salvar 21 homens presos em mina de carvão

Enchente desligou os geradores de energia da mina e deixou 29 homens presos; 8 mineiros já foram resgatados

Bombeiros trabalham na mina de carvão em Xinjiang para salvar os 21 mineiros presos
Bombeiros trabalham na mina de carvão em Xinjiang para salvar os 21 mineiros presos Foto: Reprodução Reuters

Da Reuters

Ouvir notícia

Oito mineiros foram resgatados e 21 permanecem presos em uma mina de carvão que inundou na região de Xinjiang, noroeste da China, conforme informou a agência de notícias estatal chinesa Xinhua no domingo (11), citando os registros do departamento de emergência local.

Uma parte da mina inundou, causando quedas de energia logo após as 18h00 do horário local, no sábado (10), quando 29 homens estavam trabalhando na mina localizada no condado de Hutubi em Xinjiang, disse o relatório.

Em um relatório separado, o meio de comunicação estatal Global Times disse que 12 mineiros que permanecem presos na mina devem ser resgatados neste domingo, enquanto outros nove trabalhadores não foram localizados.

As minas chinesas estão entre as mais mortais do mundo. Dez mineiros de ouro foram confirmados como mortos em janeiro, após uma explosão em uma mina na província costeira de Shandong. Em dezembro, 23 pessoas morreram após ficarem presas em uma mina na cidade de Chongqing, no sudoeste do país. Três meses antes, 16 pessoas morreram em uma mina de carvão separada na mesma área.

Tópicos

Mais Recentes da CNN