Parte de Gaza está em reconstrução após cessar-fogo com Israel

Território abriga 2 milhões de pessoas e sofre bloqueio de Israel e Egito

Ben Wedeman, da CNN, em Gaza

Ouvir notícia

Depois do cessar-fogo entre Israel e o grupo palestino Hamas, algumas casas, negócios e infraestrutura de Gaza começaram a ser reconstruídos. Mas, para a maioria das pessoas que vivem por lá, o futuro permanece incerto.

A estreita faixa de terra no Mediterrâneo, que abriga 2 milhões de pessoas, está sob bloqueio de Israel e do Egito desde que o Hamas assumiu o poder em Gaza, em 2007. Entre outras coisas, o objetivo do bloqueio é isolar o grupo e evitar que os militantes consigam armas.

Mas, mesmo assim, o Hamas e outros grupos podem fabricar e lançar dezenas de milhares de foguetes contra Israel. E o Hamas, 14 anos depois, ainda está firme no controle local.

Em Khan Younis , moradores fazem fila para receber alimentos doados pelo Egito, Qatar e Malásia. Cerca de metade da população depende de ajuda, e a taxa de desemprego é de quase 50%.

Gaza é cercada por Israel ao norte e a leste, e pelo Egito ao sul. Os dois países permitem que uma quantidade limitada de mercadorias estritamente controladas passe para Gaza. E a exportação é difícil.

“Para as pessoas aqui não importa quem apoia ou não o Hamas. Todos sofrem o mesmo castigo. Gaza se tornou a maior prisão a céu aberto na face da terra”, disse o analista Khaimar Abu Sada.

Parte de Gaza está em reconstrução após cessar-fogo (29.Mai.2021)
Parte de Gaza está em reconstrução após cessar-fogo (29.Mai.2021)
Foto: Reprodução/CNN

Mais Recentes da CNN