Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Presidente do Irã tinha sangue nas mãos, diz Casa Branca após morte em acidente

    Helicóptero que levava Ebrahim Raisi e chanceler iraniano caiu no domingo

    Da Reuters

    O presidente do Irã, Ebrahim Raisi, tinha “sangue nas mãos” devido ao apoio a grupos extremistas na região, disse o porta-voz de segurança nacional da Casa Branca, John Kirby, nesta segunda-feira (20).

    Raisi morreu em um acidente de helicóptero no domingo (19). Também estavam entre as vítimas o ministro das Relações Exteriores iraniano e outras autoridades.

    “Sem dúvida, este era um homem que tinha muito sangue nas mãos”, afirmou Kirby.

    O porta-voz também ressaltou que os Estados Unidos continuarão responsabilizando o Irã pelo que chamou de atividade desestabilizadora na região.

    Mais cedo, o Departamento de Estado americano expressou “condolências oficiais”, mas também alertou que continuarão enfrentando a proliferação de armas perigosas e o avanço do seu programa nuclear iraniano.

    “Enquanto o Irã escolhe um novo presidente, reafirmamos o nosso apoio ao povo iraniano e à sua luta pelos direitos humanos e pelas liberdades fundamentais”, disse o porta-voz do departamento, Matthew Miller, em comunicado.