Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Richard Moll, ator de “Night Court”, morre aos 80 anos

    Artista também dublou videogames e séries animadas, como “Batman: The Animated Series” e “Batman: The Brave and the Bold”

    Moll adorava atividades ao ar livre e passou sua aposentadoria na comunidade montanhosa de Big Bear Lake, em San Bernardino
    Moll adorava atividades ao ar livre e passou sua aposentadoria na comunidade montanhosa de Big Bear Lake, em San Bernardino WENN Rights Ltd/Alamy Stock Photo

    Sandra Gonzalezda CNN

    Richard Moll, ator veterano e dublador, mais conhecido por seu papel como oficial de justiça na versão original de “Night Court”, da NBC, morreu aos 80 anos, de acordo com Jeff Sanderson, porta-voz da família.

    Moll morreu pacificamente em 26 de outubro, em sua casa em Big Bear Lake, na Califórnia, nos Estados Unidos, informou um comunicado.

    O ator nasceu em Pasadena, na Califórnia, e frequentou a Universidade da Califórnia, em Berkeley, segundo o site Turner Classic Movies.

    Quando começou a atuar, seus primeiros trabalhos foram em comerciais e pequenos papéis em programas de televisão, como em “Welcome Back, Kotter” e “The Rockford Files”. No primeiro, ele interpretou um personagem simplesmente creditado como “Big Thug” (grande bandido, em tradução livre).

    E, na verdade, ele era grande (media 2 metros), e tinha presença enorme. No mundo real, porém, Moll não teria tanta probabilidade de ser reconhecido pelos espectadores de “Night Court” se deixasse o cabelo crescer.

    Seu personagem no seriado, Bull Shannon, era careca, de grande coração e às vezes um pouco denso, embora não o suficiente para mudar seu charme ou domínio dos momentos.

    “Night Court”, indiscutivelmente o papel mais notável de Moll, durou nove temporadas na NBC, de 1984 a 1992. A rede reviveu a série este ano, com John Larroquette reprisando seu papel no programa original. Moll nunca apareceu na nova filmagem.

    Após a exibição do programa, Moll ganhou créditos em filmes como “Jingle All the Way” e “Scary Movie 2”, e programas de TV como “Smallville” e “Spider-Man: The Animated Series”.

    Além disso, a dublagem foi uma grande parte de sua carreira pós-“Night Court”. Ele foi a voz do Duas-Caras em “Batman: The Animated Series” e “Batman: The Brave and the Bold” e teve vários papéis em videogames.

    Falando ao Tampa Bay Times em 1988, Moll admitiu que, embora seu papel na comédia estivesse lhe rendesse atenção na época, ele não desejava se concentrar apenas em papéis do gênero.

    “Quero voltar a interpretar ‘durões’. Não quero ser conhecido apenas como ator cômico. Eu adoro interpretar bandidos… é muito divertido”, explicou

    Moll também tinha um lado sério. Em 1989, ele testemunhou perante o Comitê Selecionado sobre Envelhecimento da Câmara pedindo mais financiamento para pesquisas sobre a doença de Alzheimer, algo que o pai do ator foi diagnosticado com.

    O artista também adorava atividades ao ar livre e passou sua aposentadoria na comunidade montanhosa de Big Bear Lake, em San Bernardino. Ele deixa a ex-esposa, dois filhos e dois enteados.

    Este conteúdo foi criado originalmente em inglês.

    versão original