Rússia disparou quatro mísseis em Odessa, relatam militares ucranianos

Programa Mundial de Alimentos da ONU pediu a reabertura dos portos da cidade para ajudar a conter uma crise global de fome

Vista de instalações portuárias em Odessa, na Ucrânia
Vista de instalações portuárias em Odessa, na Ucrânia Valentyn Ogirenko/Reuters

Tim ListerJulia Kesaievada CNN

Ouvir notícia

A Rússia disparou quatro mísseis de cruzeiro na cidade portuária de Odessa, no sul da Ucrânia, neste sábado (7), de acordo com a administração militar regional ucraniana.

“O inimigo continua não apenas a destruição física da infraestrutura da região, mas também a pressão psicológica sobre a população civil”, disse o Comando Operacional do Sul do exército da Ucrânia.

Segundo as autoridades, não houve vítimas. A administração militar regional também postou um vídeo de drone que mostra um suposto ataque contra um barco de patrulha russo no Mar Negro.

Nos últimos dias, unidades da força aérea ucraniana realizaram vários ataques contra posições russas na Ilha da Cobra, ocupada pela Rússia, na costa da Crimeia.

Na terça-feira (3), as Forças Armadas da Ucrânia disseram que atingiram pelo menos duas posições militares russas usando um UAV Bayraktar, um tipo de drone militar.

Enquanto isso, o Programa Mundial de Alimentos da Organização das Nações Unidas (ONU) pediu a reabertura dos portos de Odessa para ajudar a conter uma crise global de fome.

Este conteúdo foi criado originalmente em inglês.

versão original

Mais Recentes da CNN