Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Saiba onde forças russas fizeram avanços na Ucrânia nas últimas 24 horas

    Informações são de um alto funcionário da Defesa dos Estados Unidos

    Ellie Kaufmanda CNN

    Ouvir notícia

    As forças russas seguiram fazendo alguns avanços adicionais nas últimas 24 horas, segundo informações de um alto funcionário da Defesa dos Estados Unidos a repórteres nesta sexta-feira (11).

    Os russos estão mais próximos de Kiev, a cerca de 15 quilômetros do centro, mas não se aproximaram desde a quinta-feira (10), disse a autoridade.

    Existem dois outros grupos de forças russas fora da cidade que estão potencialmente se movendo em direção a capital ucraniana. Ao norte, um grupo está “entre 20 e 30 quilômetros” da região central. Eles se aproximaram nas últimas 24 horas.

    Outro grupo separado está mais perto de Sumy, a leste de Kiev, e parou, se posicionando em torno da localidade, disse a autoridade.

    “Achamos que muitas dessas forças de fato se reposicionaram nas proximidades de Sumy. Não está claro para nós por que eles fizeram isso. Pode ser algo tão benigno com eles progredindo nesse trecho ao norte, sem sentirem que precisavam de outro trecho, ou eles vão combinar o que restou com um trecho mais ao sul. Pode ser apenas benigno, nós simplesmente não sabemos”.

    Chernihiv, outra cidade ucraniana, permanece isolada. Os russos estão “fora da cidade” e há “obviamente alguns combates”, mas os EUA não avaliam que eles já “avançaram em Chernihiv”.

    “Eles ainda estão dentro e ao redor de Chernihiv, e novamente avaliamos que Chernihiv está isolada e sob crescente pressão”, afirmou.

    Em Kharkiv, as forças russas estão “nos arredores” da cidade”, segundo o funcionário. Os EUA estão vendo relatos de interrupções na internet na cidade, “o que parece ser parte da cartilha”, mas ainda há “muita luta lá”.

    “Eles não tomaram Kharkiv, ela está sendo bem defendida, mas estão se aproximando, se você quiser, de uma perspectiva geográfica”, disse o funcionário.
    A cidade de Mariupol , no sul, está sob “pressão crescente”, disse o funcionário.

    “Mariupol também está sendo defendida, eles estão revidando, e continuamos a ver bombardeios pesados ​​lá enquanto os russos tentam aumentar sua pressão”.

    Os EUA continuam estimando que as forças russas capturaram Kherson. Em Mykolaiv, as forças russas ainda não tomaram a cidade, mas ela está sob “pressão crescente”.

    “Observamos que os ucranianos continuam defendendo a cidade, e os russos estão do lado de fora, principalmente ao nordeste, então, novamente, não houve muita mudança em relação a ontem, mas continua sendo fortemente disputado”, finalizou o oficial.

     

    Este conteúdo foi criado originalmente em inglês.

    versão original

    Mais Recentes da CNN