Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Ucrânia diz que russos estão roubando trigo e “ameaçando a segurança alimentar do mundo”

    Ministério das Relações Exteriores ucraniano acusa russos de saquear grãos na região de Kherson e bloquear embarques em portos

    Tim ListerJulia Kesaievada CNNReuters

    Autoridades ucranianas acusaram as forças russas de “roubar” trigo de partes do país que foram ocupadas, uma medida que aumenta a ameaça à segurança alimentar global.

    O Ministério das Relações Exteriores da Ucrânia disse em um comunicado divulgado pela Reuters: “O saque de grãos na região de Kherson, bem como o bloqueio de embarques em portos ucranianos e a mineração de rotas marítimas, ameaçam a segurança alimentar do mundo.”

    O Ministério exigiu que a Rússia pare “o roubo ilegal de grãos, desbloqueie os portos ucranianos, restaure a liberdade de navegação e permita a passagem de navios mercantes. Por meio de suas ações ilegais, a Rússia está roubando não apenas a Ucrânia, mas também os consumidores no exterior.”

    “As Nações Unidas estimam que cerca de 1,7 bilhão de pessoas podem enfrentar pobreza e fome devido a interrupções de alimentos como resultado de uma guerra em grande escala travada pela Rússia contra a Ucrânia”, acrescentou o Ministério.

    Questionado sobre as alegações pela Reuters, o Kremlin disse que não tinha informações sobre o assunto.

    O Estado-Maior Geral das Forças Armadas da Ucrânia também afirmou na sexta-feira que as tropas russas estavam “roubando” os estoques de trigo, enquanto os fortes combates continuam nas regiões leste e sul do país.

    “Os ocupantes russos estão roubando os aldeões”, disse o Estado-Maior. “Assim, por exemplo, mais de 60 toneladas de trigo junto com os caminhões de carga foram roubados da cooperativa agrícola na cidade de Kamianka-Dniprovska”.

    A CNN não pode verificar essas alegações de forma independente.

    Ivan Fedorov, prefeito da cidade de Melitopol, no sul, que está sob controle das tropas russas há semanas, também falou sobre a retirada dos estoques de grãos.

    “Hoje mudou para uma escala industrial”, disse ele. “Ontem publicamos um vídeo de um comboio de mais de 50 carros com reboques retirando grãos de nossos territórios ocupados. E hoje não sabemos para onde eles o enviaram.”

    A área em torno de Melitopol produz colheitas de cereais substanciais.

    A Ucrânia é conhecida como o “celeiro da Europa” e é uma fonte importante de trigo e milho – especialmente para países do Oriente Médio e Norte da África que dependem de importações. A provável interrupção de sua colheita neste ano pode ser um desastre, deixando esses países com pouca oferta – e elevando os preços de importantes produtos agrícolas.

    Este conteúdo foi criado originalmente em inglês.

    versão original