Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    “Vou conversar com as companhias aéreas”, diz Lula em Angola sobre a falta de voos diretos para a África

    Presidente está em viagem oficial no continente africano

    Lula encerra neste sábado (26) sua visita oficial a Angola e segue para São Tomé e Príncipe
    Lula encerra neste sábado (26) sua visita oficial a Angola e segue para São Tomé e Príncipe Reprodução/Agência Brasil/Canal Gov

    Da CNN*

    São Paulo

    Em seu perfil na rede social X (ex-Twitter), o presidente Luiz Inácio Lula da Silva comentou, neste sábado (26), que quer discutir a falta de voos diretos entre o Brasil e a África.

    Na postagem, Lula diz que quando voltar ao Brasil, vai conversar com companhias aéreas e com o Ministério dos Portos e Aeroportos. “Vamos buscar soluções para esse problema”, publicou.

    Lula encerra neste sábado (26) sua visita oficial a Angola e segue para São Tomé e Príncipe, onde participa da Cúpula dos Países de Língua Portuguesa (CPLP). A cerimônia oficial de despedida, em Luanda, deve ocorrer às 16h (horário local, 12h no horário de Brasília).

    Esta é a primeira visita de Lula ao continente desde que assumiu a presidência em 2023.

    O presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) disse, neste sábado (26), que o governo estuda a abertura de um consulado geral em Luanda, capital de Angola.

    Em declaração à imprensa, ele classificou a visita de dois dias ao país africano como histórica e lembrou que Angola já abriga a maior comunidade brasileira no continente – cerca de 30 mil brasileiros.

    “Por isso, instruí o chanceler Mauro Vieira a estudar a abertura de um consulado geral em Luanda, que seria o primeiro num país de língua portuguesa na África”, afirmou.

    Veja também: Lula diz que Brasil é “parceiro ideal” de Angola na Agricultura e Comércio

    *Publicado por Ana Carolina Nunes