Moro proíbe no Brasil escala de voos com destino a países com fronteira fechada


André Spigariol Da CNN, em Brasília
27 de março de 2020 às 15:55
Ministro Sergio Moro

Ministro Sergio Moro

Foto: Reprodução/CNN Brasil

O ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, proibiu nesta sexta-feira (27) a entrada de estrangeiros cujos voos tenham escala no Brasil e destino a países que estão com fronteiras fechadas. A medida foi editada em coordenação com o Ministério das Relações Exteriores e vale a partir desta sexta-feira para todas as nacionalidades. 

A portaria coloca ponto final a uma situação inusitada para o Brasil, que vinha aceitando a entrada de estrangeiros que estavam proibidos de entrar em seus próprios países. A CNN apurou junto a fontes diplomáticas que cidadãos de Argentina, Peru e Paraguai não estão podendo voltar aos seus países após fazerem escala em aeroportos brasileiros. A partir de agora, eles não poderão mais vir ao Brasil. 

A situação também estava ocorrendo com chilenos que passavam pelo Brasil e brasileiros passando pelo Chile, o que motivou a negociação entre os dois países de um acordo de facilitação de trânsito, anunciado na quarta-feira. Com o tratado, os cidadãos podem transitar entre os dois países, desde que não saiam da terminal de trânsito internacional dos aeroportos.