Botucatu (SP) tem madrugada violenta com tiroteio e ataques a agências bancárias


Jéssica Otoboni e Bianca Camargo, da CNN, em São Paulo
30 de julho de 2020 às 02:16 | Atualizado 30 de julho de 2020 às 12:13

A cidade de Botucatu, no interior do estado de São Paulo, localizada a cerca de 175 quilômetros da capital, registrou episódios de violência durante a noite dessa quarta-feira (29) e a madrugada desta quinta (30). Ao menos três agências bancárias foram atacadas por criminosos e houve trocas de tiros. As ações, que começaram por volta das 23h30, duraram cerca de três horas.

Nesta manhã, um dos criminosos foi baleado durante uma troca de tiros com policiais perto da rodovia Marechal Rondon (mais informações abaixo). O suspeito, com cerca de 40 anos, chegou a ser encaminhado para um hospital da região, mas acabou morrendo.

Segundo a Delegacia Seccional de Polícia do município, durante a madrugada, uma "quadrilha fortemente armada" conduziu ataques simultâneos a agências bancárias – uma delas, do Banco do Brasil, fica na região central e foi alvo de bombas usadas para explodir o caixa eletrônico.

Os agentes estão em busca dos cerca de 30 suspeitos envolvidos nos ataques e contam com o reforço de equipes e viaturas de outras cidades, como Avaré e São Paulo, além do Departamento Estadual de Investigações Criminais (Deic) e do Helicóptero Águia, da PM.

Assista e leia também:

'Tinham armamento poderoso', diz porta-voz da PM sobre tiroteio em Botucatu

Polícia Civil realiza operação contra facção criminosa em SP

Um batalhão da Polícia Militar e algumas lojas comerciais também foram alvo da quadrilha, e houve "explosões em diversos pontos da cidade". Durante os tiroteios, ao menos dois policiais militares ficaram feridos sem gravidade e foram encaminhados a um pronto-socorro.

Os criminosos roubaram dois carros em uma avenida próxima ao batalhão e atearam fogo em um desses veículos, uma caminhonete, na área de saída das viaturas. Para tentar impedir a saída dos policiais, a quadrilha colocou outro carro na entrada principal do local. 

O Banco do Brasil informou, em nota, que equipes de engenharia e manutenção serão deslocadas ao local e os danos ainda serão avaliados. "O BB trabalha para a normalização do atendimento no menor espaço de tempo, mas ainda não é possível fixar prazo para sua normalização", diz o texto. "O Banco do Brasil não informa valores subtraídos durante ataques as suas unidades e colabora com as investigações no âmbito da sua atuação." 

Policiais trocaram tiros com criminosos durante a madrugada em Botucatu

Policiais trocaram tiros com criminosos durante a madrugada em Botucatu

Foto: Reprodução - 30.jul.2020 / CNN

Fuga e troca de tiros durante a manhã

A porta-voz da Polícia Militar, Aline Camargo, afirmou que, após os confrontos com os policiais, os membros da quadrilha teriam se escondido em uma região de mata próxima a Botucatu. 

Ela também detalhou que, até o momento, foram encontrados projéteis e cápsulas de fuzis .50 e .762. Nos veículos abandonados pelos criminosos, os agentes localizaram cinco armas que compõem o que a porta-voz descreve como um "armamento de poderio de guerra", além de explosivos e parte do dinheiro roubado de uma das agências bancárias.

Nesta manhã, por volta das 8h, houve uma troca de tiros entre policiais militares e alguns dos envolvidos nos ataques. Um dos suspeitos foi baleado e morreu. De acordo com informações da Secretaria de Segurança Pública de SP, os agentes apreenderam com ele um fuzil e um colete. Também foram encontrados dois pacotes de dinheiro, cada um com cerca de R$ 1 milhão, em dois carros.

Nas redes sociais, internautas postaram vídeos nos quais é possível observar a atuação dos agentes e ouvir explosões. Segundo relatos de alguns moradores, os criminosos entraram em uma rua sem saída e se perderam. Com isso, eles abandonaram o veículo em que estavam e deixaram o local a pé, atirando para o alto.

Até o momento, não há informações sobre o total do valor roubado ou de suspeitos presos. 

Na rodovia João Hipólito Martins, conhecida como Castelinho, foram encontrados três veículos queimados no acostamento. Na Marechal Rondon, uma carreta foi incendiada, segundo a Polícia Rodoviária.

Imagem de câmera de segurança mostra criminoso mascarado durante assalto

Imagem de câmera de segurança mostra criminoso mascarado durante assalto

Foto: Reprodução - 30.jul.2020 / CNN

A orientação da prefeitura é que as pessoas permaneçam, se puderem, em suas casas nesta manhã, já que os criminosos ainda podem estar na cidade.

O município de Botucatu não costuma registrar episódios de violência ou assaltos. No entanto, uma das hipóteses para a violência desta madrugada é que se trate de uma represália do crime organizado a ações recentes da polícia na região.

Há cerca de 15 dias, foram apreendidas 8 toneladas de maconha na rodovia Castello Branco, em um pedágio em Itatinga, cidade vizinha a Botucatu. Além disso, nessa quarta, foram incinerados mais de 600 kg de cocaína pela Polícia Civil do município.

(Com informações de Julyanne Jucá, André Godinho e Felipe Boldrini, da CNN, em Botucatu)

Ao menos quatro agências bancárias foram atacadas por criminosos em Botucatu

Ao menos três agências bancárias foram atacadas por criminosos em Botucatu

Foto: Reprodução - 30.jul.2020 / CNN