Frente fria trará ao sul do Brasil maior incidência de neve desde 2013

Neve deve ocorrer, principalmente, em áreas mais altas do Rio Grande do Sul e Santa Catarina

Iara Maggioni, da CNN, em Curitiba
17 de agosto de 2020 às 10:28 | Atualizado 17 de agosto de 2020 às 11:09

Institutos de Meteorologia preveem neve no sul do país com a passagem de uma frente fria de grandes proporções no fim desta semana. Segundo a Metsul Meteorologia, esse deve ser o maior evento de neve desde 2013. A neve deve ocorrer, principalmente, em áreas mais altas do Rio Grande do Sul e Santa Catarina.

Outras partes mais baixas de Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Paraná também tem probabilidade de pequenas nevascas.

Leia mais:
Queda de temperatura na região Sul provoca geada em cidades de Santa Catarina

Geada na serra catarinense, na região de São Joaquim, em 15 de julho de 2020
Foto: Ronaldo Coutinho/Piter Scheuer/ Climaterra/ Reprodução

Já a chuva congelada - fenômeno em que a água da chuva congela ao atingir a superfície devido à baixa temperatura - pode cair em praticamente todo o Rio Grande do Sul e várias partes de Santa Catarina e Paraná, mesmo em locais de baixa altitude.

Os últimos registros significativos de neve foram em julho e agosto de 2013. Em julho, os eventos foram verificados em Santa Catarina e Paraná e em agosto no Rio Grande do Sul e em Santa Catarina.

A chuva congelada também pode chegar a São  Paulo, de forma isolada no interior. Na capital, é bem difícil de acontecer. 

A massa de ar frio vai baixar as temperaturas em boa parte do Brasil. São previstas temperaturas mais baixas nos três estados do Sul, mas também em São Paulo, Rio de Janeiro, parte de Minas Gerais,  parte de Goiás, Mato Grosso do Sul, Mato Grosso, Rondônia, Acre, Amazonas e Roraima. A massa de ar frio vai trazer queda de temperatura também para Colômbia e Venezuela. 

 Em Roraima, por exemplo, a temperatura deve cair de 32°C para 25°C. 

O Instituto de meteorologia Climatempo também trabalha com a possibilidade de neve para a região Sul. O evento deve ser registrado entre a madrugada de quinta e também sexta feira.