Cemitérios de Salvador registram queda nos sepultamentos por Covid-19

Capital baiana registra 73.918 casos de Covid-19 até o momento e 2.320 mortes pelo vírus

Henrique Andrade*, da CNN, em São Paulo
26 de agosto de 2020 às 10:57
Placa indica entrada do hospital de campanha para Covid-19 montado no estádio da Fonte Nova, em Salvador
Foto: Divulgação/Governo da Bahia

Os cemitérios municipais de Salvador vêm registrando queda nos enterros por Covid-19 nos últimos meses. Após queda de 33% entre junho e julho, o número de sepultamentos registrados até agora em agosto apontam para nova queda.

Em junho, a capital baiana atingiu recorde no número de enterros pelo novo coronavírus, com 313. No mês seguinte, o número caiu para 208. O dado deve ser ainda menor em agosto, que contabiliza 88 sepultamentos até esta terça (25). A Semop já abriu cerca de 1.300 vagas em cemitérios municipais em 2020. 

Leia mais:
Em Salvador, câmeras vão monitorar a temperatura de passageiros no metrô

Segundo Marcus Passos, secretário municipal de Ordem Pública (Semop), a queda na média diária de enterros já é considerável: após recorde de 10,4 em julho, julho registrou cerca de 6.9 por dia e, em agosto, a média está em 3,8. Passos informa que a redução também está sendo observada em cemitérios privados da capital.

Segundo a Secretaria municipal de Saúde, Salvador registra 73.918 casos de Covid-19 até o momento e 2.320 mortes pelo vírus.

(*Sob supervisão de Julyanne Jucá)