Última cidade de SP sem Covid-19 registra primeiro caso

Santa Mercedes, na região de Presidente Prudente, registrou o primeiro caso neste domingo

André Rosa, da CNN em São Paulo
30 de agosto de 2020 às 18:04
Cidade de Santa Mercedes (SP)
Foto: Prefeitura de Santa Mercedes/Divulgação

A cidade de Santa Mercedes, na região de Presidente Prudente, interior de São Paulo, registrou o primeiro caso de Covid-19. A informação foi confirmada neste domingo (30) pela Secretaria Estadual de Saúde. Agora, em todos os 645 municípios do Estado houve pelo menos uma pessoa infectada, sendo 531 com uma ou mais mortes. 

Com uma população estimada em 2.939 pessoas, segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), os ‘mercedenses’, como são conhecidos os moradores da cidade, resistiram por mais de seis meses ao contágio do novo coronavírus. O primeiro caso registrado no Brasil foi na Capital Paulista, em 26 de fevereiro.

Na última atualização de ontem (29), às 20:33, a Prefeitura Municipal de Santa Mercedes ainda informava, apenas, sete casos suspeitos.

          Assista e leia também:

          Estudos apostam no uso de plasma contra a Covid-19

          Como as principais economias estão lidando com a recessão causada pela Covid-19

Santa Mercedes tem apenas duas Unidades Básicas de Saúde (UBS), além de uma equipe de Saúde de Estratégia de Saúde da Família composta por seis Agentes Comunitários de Saúde.

“As ações desenvolvidas no município sempre tem sido a prevenção através do maior veículo de comunicação que é este agente de saúde casa a casa”, explicou Carla Braga, secretária municipal de Saúde de Santa Mercedes. 

Em todo o Estado de São Paulo são 29.978 mortes e 803.404 casos confirmados do novo coronavírus. Entre as vítimas fatais, de acordo com a Secretária Estadual de Saúde, estão 17.292 homens e 12.686 mulheres. As mortes continuam concentradas em pacientes com 60 anos ou mais, totalizando 75,8% das mortes.