Séries Originais aborda hoje violência, milícias e facções criminosas no RJ

O documentário fala sobre o comando de milícias e do tráfico de drogas em regiões do Rio de Janeiro e as inovações que o e-commerce trouxe para o mercado

Da CNN
11 de setembro de 2020 às 05:00 | Atualizado 13 de setembro de 2020 às 06:56
O último episódio do documentário Rio: Os 7 Pecados do Poder mostra a presença de milícias e facções criminosas em regiões cariocas
Foto: CNN Brasil

O Séries Originais deste domingo (13) exibe o quarto e último episódio do documentário “Rio: os 7 pecados do poder”. 

Por meio dos sete pecados capitais, a série investiga e analisa casos de corrupção no estado do Rio de Janeiro. Neste episódio,o foco são os pecados da Ira e da Inveja, por meio dos quais são explorados os meios com que a corrupção causou a ausência do Estado em algumas regiões.

Em ambientes onde há pouca ou quase nenhuma presença estatal, a criminalidade cresceu e criou sistemas hierárquicos próprios. As milícias e o crime organizado criaram um poder paralelo em regiões da capital carioca e se mantêm em um lugar de liderança até os dias de hoje.

O especialista José Cláudio Alves, que estuda profundamente essas organizações comenta a relação próxima entre a corrupção policial e a violência:

"Ela sempre atuou em cima de comunidades pobres, ela sempre atua no controle do que seria o crime no Rio de Janeiro, que é o tráfico de droga. No entanto, a própria estrutura da polícia ela se relaciona com o tráfico de drogas, recebe o famoso arrego, o suborno, ela permite que o tráfico funcione, ela faz alianças com facções mais favoráveis.”

Durante o episódio também são entrevistados os familiares da vereadora Marielle Franco, assassinada em março de 2018. O crime segue em investigação atualmente.

A morte de Marielle chamou a atenção no mundo todo, mas todos os dias a violência no Rio de Janeiro segue fazendo vítimas. O documentário também mostra a família do menino João Pedro, morto aos 14 anos por um tiro de fuzil disparado por um policial.

A família do menino João Pedro fala sobre a violência no Rio de Janeiro
Foto: CNN Brasil

Explosão Digital S/A

Com a pandemia, muitos comerciantes encontraram a saída no comércio virtual
Foto: CNN Brasil

O terceiro episódio do documentário Explosão S/A aborda o e-commerce, que teve um crescimento exponencial durante o período de isolamento social.

De acordo com o CETIC, Centro de Estudos para o Desenvolvimento da Sociedade da Informação, 66% dos brasileiros fizeram alguma compra online durante a quarentena. 

Leia também:
Séries Originais disseca corrupção no Rio de Janeiro
Séries Originais mostra como pandemia acelerou em 10 anos o mundo digital

O Séries Originais investiga os efeitos dessa transição dos clientes para o ambiente virtual e as novas tecnologias que estão sendo desenvolvidas na área, como por exemplo, a entrega em domicílio via drones. 

Para Rodrigo Silveira, diretor de inovação, pensar em e-commerce não é apenas migrar para uma plataforma mais tecnológica, mas perceber uma mudança no comportamento e na demanda dos clientes:

“O e commerce é uma coisa bem mais complexa do que simplesmente o clique no botão ali. Você tem vários formatos, você tem toda uma camada de amadurecimento em cima das compras online. A mudança de comportamento nessas indústrias não diz respeito só você criar um novo canal e criar um atendimento digital, diz respeito a um pensamento bem mais amplo. Uma transformação da cadeia de valor mesmo.” 

Além disso, o documentário trata assuntos como o empregos em tempo de comércio online e a transição das profissões para o mundo digital.

Apresentado por Evaristo Costa, o Séries Originais começa às 19h20, aos domingos, na CNN. Veja qual é o canal na sua operadora.