Quiosques da orla carioca poderão ter pequenas festas de Réveillon


Isabelle Resende e Jairo Nascimento, da CNN, no Rio
22 de novembro de 2020 às 14:24 | Atualizado 22 de novembro de 2020 às 14:29
Quiosque
Quiosque em praia do Rio (22.nov.2020)
Foto: Jairo Nascimento/CNN


 A concessionária Orla Rio, responsável pelos 309 quiosques em 34 quilômetros da orla carioca, foi autorizada pela Riotur a realizar de pequenas festas de Réveillon em cada um dos pontos entre as praias do Leme ao Pontal.

Os estabelecimentos poderão ter música ao vivo, mas deverão limitar o volume e impor isolamento entre os clientes. A proposta é para descentralizar a tradicional virada em Copacabana que, em 2020, não reunirá mais de um milhão de pessoas.

Os estabelecimentos deverão instalar grades de proteção e garantir distância de 1,5m entre as mesas. Será autorizado o uso apenas da área de cada quiosque. Haverá música ao vivo e transmissão pela TV da festa de passagem de ano. A Prefeitura determinou um evento com shows musicais e luminosos espalhados pela capital fluminense e com transmissão pela televisão e internet. A concessionária acredita que 85% dos estabelecimentos seguirão este padrão. 

Aos interessados, é preciso dar entrada no pedido de autorização pelo site Carioca Digital. As secretarias municipais de Fazenda e Vigilância Sanitária vão avaliar a viabilidade do evento.