Secretário de Educação diz que aulas em SP voltam com ensino presencial e online

Bruno Caetano, secretário municipal da pasta, disse à CNN que alunos da rede também terão aula em tempo integral

Da CNN, em São Paulo
18 de dezembro de 2020 às 16:24

 

O secretário municipal de Educação de São Paulo, Bruno Caetano, afirmou, em entrevista à CNN nesta sexta-feira (18), que o planejamento para o retorno das aulas escolares para o próximo ano já foi feito. Na quinta-feira (17), a pasta anunciou que a volta às aulas para as escolas da capital ocorrerá no dia 4 de fevereiro, data que ainda precisa ter o aval da Secretaria Municipal de Saúde e da Vigilância Sanitária para ser confirmada.

"Do ponto de vista da secretaria de Educação, está tudo pronto. Novos professores foram contratados, porque aqueles com mais de 60 anos, pertencentes ao grupo de risco, permanecerão de casa ensinando à distância", detalhou Caetano.

Leia também:

Volta às aulas na cidade de São Paulo acontecerá no dia 4 de fevereiro
A escola é um ambiente seguro, diz secretário de SP sobre aulas presenciais
STF decide que vacina contra a Covid-19 deve ser obrigatória, mas não forçada

Ainda segundo o secretário, as aulas da rede municipal serão em período integral em 2021, mesclando conteúdos ministrados presencialmente e online.

"Ninguém acredita que teremos uma escola como costumávamos ter, com todos os alunos, todos os dias [na escola]. É muito provável que esse retorno aconteça ainda com rodízio de alunos, e mesclando aulas presenciais com acompanhamento pela internet. Mas com muito mais estrutura do que tivemos esse ano", disse.

Alunos em sala de aula
Foto: 7.out.2020/CNN

(Publicado por Daniel Fernandes)