Sobe para 6 o número de mortos após fortes chuvas em Minas Gerais

Santa Maria de Itabira, com cinco vítimas e um menino de 5 anos desaparecido, foi a mais afetada, segundo o Corpo de Bombeiro; Divino também registrou uma morte

Murillo Ferrari e Giovanna Bronze, da CNN, em São Paulo
22 de fevereiro de 2021 às 10:05 | Atualizado 22 de fevereiro de 2021 às 16:44

O número de mortos em Minas Gerais após as fortes chuvas que atingiram o estado no domingo (21) subiu para 6, segundo informações do Corpo de Bombeiros.

Além das cinco vítimas em Santa Maria de Itabira, onde um menino de 5 anos continua desaparecido, as chuvas também mataram uma mulher de 42 anos, que foi soterrada em desmoronamento de terra na cidade de Divino.

Os temporais alagaram ruas e avenidas também nas cidades de Lagoa Santa, Montes Claros e Carangola – nesta última, o transbordamento de um córrego deixou ao menos 25 pessoas desabrigadas.

Minas Gerais sofre com desmoronamentos e alagamentos por temporais
Minas Gerais sofre com desmoronamentos e alagamentos por temporais (21.fev.2021)
Foto: Reprodução / CNN

Ainda segundo os bombeiros, desde o início do período chuvoso em Minas Gerais, já foram registradas ao menos 20 mortes relacionadas a incidentes causadas por fenômenos naturais.

A Defesa Civil de MG emitiu um alerta de risco geológico até a próxima quarta-feira (24), tanto pela previsão de mais chuva como pelo fato do solo estar muito molhado, podendo causar deslizamentos e desabamentos.