Caso Henry Borel: Inquérito será concluído nesta segunda-feira (3)

Presos desde o dia 8 de abril, Jairinho e Monique são investigados por homicídio duplamente qualificado contra Henry Borel, de 4 anos

Cleber Rodrigues, Camille Couto e Stéfano Salles da CNN, no Rio de Janeiro
03 de maio de 2021 às 13:56 | Atualizado 03 de maio de 2021 às 15:39

 A menos de uma semana para o fim do prazo da prisão temporária (30 dias), o vereador Dr. Jairinho e a mãe de Henry Borel, Monique Medeiros, devem conhecer o resultado do inquérito da Polícia Civil nesta semana. Fontes ouvidas pela CNN Brasil afirmam que o processo de investigação será concluído ainda nesta segunda-feira (3). Na chegada à delegacia, o chefe do inquérito, o delegado Henrique Damasceno, respondeu rapidamente à equipe da CNN, “possível que sim”, quando perguntado sobre a chance de concluir as investigações hoje.

Presos desde o dia 8 de abril, Jairinho e Monique são investigados por homicídio duplamente qualificado contra Henry Borel, de 4 anos, ocorrido um mês antes das prisões. Segundo as investigações, a criança sofreu lesões internas que não são compatíveis com as de uma queda da cama mas, sim, com as provocadas por agressões.

No caso de Jairinho, esse seria o segundo indiciamento. Isto porque na última sexta-feira o médico foi indiciado pela Delegacia da Criança e do Adolescente Vítima (DCAV) e pelo Ministério Público, por supostas agressões e tortura à filha de uma outra ex-namorada, quando a menina tinha entre três e cinco anos. Os fatos teriam ocorrido entre o fim de 2010 e o início de 2013. O delegado da unidade, Adriano França, pediu a prisão provisória do vereador.

Jairinho está implicado também em uma terceira investigação, conduzida pela Delegacia de Repressão aos Crimes de Informática, que decidiu intimar o vereador e seu advogado, André França Barreto, sobre o vazamento de uma foto em que uma ex-namorada do médico aparece nua. Ela disse na especializada que a foto foi feita no período em que ela se relacionava com Jairinho e foi tornada pública depois que os dois terminaram. A imagem foi compartilhada em redes sociais após o depoimento da ex-namorada.

Henry Borel, de 4 anos, morreu em 8 de março
Henry Borel, de 4 anos, morreu em 8 de março; padrasto e mãe falam em acidente, mas polícia investiga agressão
Foto: Reprodução/Instagram

Henry completaria 5 anos nesta segunda (3)

Nas redes sociais, Leniel Borel, pai de Henry, fez um depoimento em homenagem ao aniversário do menino e lamentou a morte precoce.

“Nosso tempo juntos foi muito breve, mas sempre intenso, feliz e muito especial. Daria tudo o que tenho por mais um dia com você, por mais um abraço, mais um sorriso ou apenas ouvir-te dizer: - Papai, eu te amo”, diz o relato emocionado.