SP: Alunos do ensino médio terão aula extra diária a partir de 2022

Medida se aplica a alunos do segundo ano do ensino médio, mas a ação também envolverá o terceiro em 2023

Matheus Meirelles, da CNN, em São Paulo
20 de julho de 2021 às 17:16 | Atualizado 20 de julho de 2021 às 17:23

 

A partir de 2022, estudantes do segundo ano do ensino médio do turno diurno da rede estadual de São Paulo terão uma aula extra por dia. Duas das matérias dessas aulas serão eletivas e as outras três de orientação curricular.

Em 2023, a ação também se aplicará aos alunos do terceiro ano. As escolas vão receber um investimento de mais de R$ 300 milhões para infraestrutura e também serão contratados cerca de 10 mil professores. 

As aulas extras vão ocorrer de forma híbrida, a partir do Centro de Mídias da Educação de São Paulo (CMSP). 

Retorno

Nesta terça-feira (20), o secretário de Educação do estado, Rossieli Soares, confirmou o retorno a partir do dia 2 de agosto em formato híbrido. Nas universidades públicas e privadas, a retomada deve acontecer no mês de setembro.

Já as escolas particulares pretendem voltar com as atividades presenciais de forma mais intensa a partir do mês que vem.

Alunos do segundo ano do ensino médio terão aulas extras em 2022 (20.jul.2021)
Foto: Reprodução / CNN