Oito regiões regridem de fase no Plano SP nesta sexta; veja quais

Governo anunciará mudanças nas regiões de Marília, Bauru, Araçatuba, São José do Rio Preto, Piracicaba e Taubaté

Tainá Falcão, da CNN, em São Paulo

Ouvir notícia

 

Oito regiões do estado de São Paulo regrediram de fase em uma nova atualização do Plano SP, de reabertura da economia diante da pandemia de Covid-19, a ser anunciada nesta sexta-feira (15). Não haverá alteração na capital paulista.

Os municípios da região de Marília, que atualmente está na fase laranja, irão para a vermelha. Já as regiões de Bauru, Araçatuba, São José do Rio Preto, Piracicaba e Taubaté, atualmente na fase amarela, receberão classificação laranja. 

As autoridades do estado também decidiram alterar a classificação das regiões de Ribeirão Preto e Franca, que passarão da fase amarela para a laranja. Ao todo, oito regiões serão reclassificadas nesta atualização.

Esta reclassificação estava prevista para acontecer só em fevereiro, mas foi adiantada para hoje em razão do aumento do número de casos e mortes por Covid-19 no estado, além do aumento da ocupação de leitos de UTI destinados ao tratamento da doença.

Desde o dia 12 de janeiro, a o número de novos casos confirmados diariamente está acima de 10 mil -na quinta-feira, a taxa foi de 13.710 novas infecções. Nos últimos 14 dias, o número de pacientes internados com Covid-19 em UTIs no estado cresceu 20,5%.

A fase vermelha determina o fechamento de shoppings, bares, comércio de rua, academias, restaurantes, concessionárias, escritórios e salões de beleza, além de impedir a a realização de eventos culturais. Nesta fase, apenas os serviços essenciais podem funcionar.

Já a fase laranja permite, com restrições, o funcionamento de todos os setores, com a exceção de bares. A capacidade de ocupação dos locais é de 40% e o horário de funcionamento permitido é de oito horas diárias. 

 

Mais Recentes da CNN