Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Boi-bumbá Caprichoso é o campeão do Festival de Parintins de 2022

    Presidente Jender Lobato disse "que está com a alma lavada"

    Ingrid Oliveirada CNN*

    Em São Paulo

    Ouvir notícia

    festival folclórico de Parintins confirmou o seu campeão nesta segunda-feira (27). O Boi Caprichoso levou o prêmio. A divulgação foi feita nesta tarde no Bumbódromo da Ilha Tupinambarana, no Amazonas. Esta foi a 55ª apresentação do evento.

    O presidente Jender Lobato disse “que está com a alma lavada”. “Nós cumprimos com as nossas obrigações. Venceu o amor, venceu a harmonia, venceu o respeito”, disse na transmissão ao vivo pelo Youtube.

    O Caprichoso ganhou o festival por uma vantagem mínima contra o adversário. Foi 1.259 contra 1.258,5 do boi Garantido.

    O campeão levou para o Bumbódromo o tema “Amazônia Nossa Luta em Poesia”. Nos tons azul e branco, o bumbá levou para a arena um manifesto em defesa da preservação.

    O boi da estrela também aproveitou para fazer uma homenagem ao indigenista Bruno Araújo e o jornalista britânico Dom Phillips, que foram mortos na região do Vale do Javari no incio do mês. Uma bandeira com as imagens deles foi exibida no Bumbódromo.

    De acordo com o Governo do Amazonas, para colocar os bois na arena em 2022, os bumbás receberam cada um R$ 5 milhões.

    Homenagem à Bruno Araújo e Dom Phillips na primeira noite do evento no Bumbódromo / Secom

    As notas foram analisadas de acordo com cada noite. Os critérios foram dividios em três blocos, com sete critérios cada. No bloco A (musical), os jurados avaliaram itens como Apresentador, Levantador de toadas, Marujada de Guerra ou Batucada, Amo do Boi, Toada (Letra e Música), Galera e Organização do Conjunto Folclórico.

    Já no bloco B (cênico e coreográfico), foram avaliados Porta-Estandarte, Sinhazinha da Fazenda, Rainha do Folclore, Cunhã-Poranga, Boi-bumbá: Evolução, Pajé, Coreografia.

    E por último, no bloco C (artístico), foram analisados Ritual, Tribos Indígenas, Tuxaua, Figura Típica Regional, Alegorias, Lenda Amazônica, Vaqueirada.

    *Com informações de Carol Queiroz, da CNN

    Mais Recentes da CNN