Bombeiros do Rio têm 176 casos suspeitos do novo coronavírus

A maioria é de militares da ativa, que estão fora das ruas, em isolamento domiciliar; dois diagnósticos de COVID-19 já foram confirmados na corporação

Corpo de bombeiros do Rio tem suspeitas de coronavírus
Corpo de bombeiros do Rio tem suspeitas de coronavírus Foto: Subtenente BM Alessandra Neves/ Bombeiro

Ouvir notícia

O Corpo de Bombeiros do Estado do Rio de Janeiro possui 176 militares dos seus quadros com suspeita de estarem infectados com o novo coronavírus. São dois os casos confirmados, ambos de militares da ativa que estão em isolamento domiciliar. 

Ao todo, são quatro os bombeiros que estão internados Hospital Central do Corpo de Bombeiros Aristarcho Pessoa, na zona norte da capital. A corporação não divulgou o estado de saúde dos militares internados, até o momento.

Dos 176 casos suspeitos de estarem com a doença, 147 são da ativa e estão em isolamento domiciliar. 

Os outros são: dois militares que estão de licença médica desde que retornaram do exterior; um pensionista, em isolamento domiciliar; três inativos, em isolamento domiciliar; e 19 dependentes que também estão em isolamento domiciliar.

Mais Recentes da CNN