Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Braskem diz que avalia solicitação de Maceió sobre novo acordo de reparação

    Prefeitura disse que enviou, na quarta-feira, um pedido à petroquímica para negociar um novo acordo de reparação, dada a ampliação da área de risco vinculada à região afetada

    Imagem aérea da região da mina 18 da Braskem, em Maceió, que apresenta risco iminente de colapso
    Imagem aérea da região da mina 18 da Braskem, em Maceió, que apresenta risco iminente de colapso Reprodução/CNN

    Patrícia Vilas Boasda Reuters

    A Braskem confirmou que recebeu solicitação do município de Maceió para iniciar discussões sobre um novo acordo de compensação por danos decorrentes do afundamento do solo da cidade, e disse estar avaliando a correspondência, conforme comunicado nesta sexta-feira.

    Na quarta-feira, a prefeitura de Maceió afirmou que enviou um pedido à petroquímica para negociar um novo acordo de reparação, dada a ampliação da área de risco vinculada à região afetada.

    A companhia e empresa acertaram em julho deste ano uma compensação de 1,7 bilhão de reais.

    O governo municipal disse que o acordo permanece válido, e que agora busca um acerto para inclusão dos “novos danos”. Procurada na ocasião, a Braskem não comentou o assunto.

    A nova atualização do mapa de riscos e ações prioritárias pela prefeitura inclui a área do Bom Parto no programa de realocação da Braskem.