Cidade de São Paulo pode ter recorde de calor nesta terça-feira (14)

Cenário muda na quarta-feira, com previsão de frente fria vinda do Paraná

Tarde de calor na cidade de São Paulo no último dia 26 de setembro
Tarde de calor na cidade de São Paulo no último dia 26 de setembro Foto: Reprodução/CNN

Anna Gabriela Costada CNN

em São Paulo

Ouvir notícia

A cidade de São Paulo pode registrar recorde de calor nesta terça-feira (14), conforme informa o Centro de Gerenciamento de Emergências Climáticas da Prefeitura de São Paulo. A temperatura pode atingir 34ºC, e os percentuais de umidade do ar se mantêm baixos, com valores mínimos abaixo dos 30%.

Nesta segunda-feira (13), a temperatura subiu rápido na capital paulista. Os termômetros das estações meteorológicas automáticas do CGE da Prefeitura de São Paulo registram em média 30,0°C, com os menores índices de umidade do ar na casa dos 38%.

O cenário se repete na terça-feira, segundo o CGE. A temperatura estará alta já na madrugada, com termômetros em torno dos 19°C e céu com poucas nuvens. A expectativa é que a cidade registre recorde de calor.

“No decorrer do dia as temperaturas sobem rapidamente e podem atingir 34°C nas horas mais quentes do dia, com alta probabilidade de gerar um novo recorde de temperatura máxima do ano. Os percentuais de umidade do ar se mantêm baixos, principalmente a partir do final da manhã, com valores mínimos também abaixo dos 30%”, informa o CGE.

Apesar do calor intenso, o dia termina sem previsão de chuva, de acordo com os meteorologistas.

Cenário muda na quarta

Na quarta-feira (15), a madrugada deve apresentar maior quantidade de nuvens e termômetros em torno dos 20°C. Ao longo do dia, a cidade mantém sol entre muitas nuvens devido a uma proximidade de frente fria passando pelo estado do Paraná.

“Essa condição não permite que as temperaturas subam livremente. A máxima deve ficar em torno dos 24°C, enquanto as taxas de umidade do ar se mantêm entre 48% e 95%. A temperatura mínima será registrada no período da noite com valor médio de 16°C”, destaca o CGE.

Veja mais notícias do Brasil e do mundo na CNN.

Mais Recentes da CNN