Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Colapso de estrutura deixa um morto no Polo Petroquímico de Camaçari, na Bahia

    Outras duas pessoas ficaram feridas no acidente

    Colapso de estrutura no Polo Petroquímico de Camaçari deixou um morto e um ferido
    Colapso de estrutura no Polo Petroquímico de Camaçari deixou um morto e um ferido Corpo de Bombeiros da Bahia

    Carolina Figueiredoda CNN

    A queda de uma estrutura no Polo Petroquímico de Camaçari, na região metropolitana de Salvador, deixou um morto e dois feridos na noite desta segunda-feira (18).

    O Corpo de Bombeiros Militar da Bahia (CBMBA) fez o resgate de um ferido dos escombros, e um outro homem foi encontrado sem vida. Segundo a Defesa Civil do Município, um outro homem também ficou ferido no acidente, mas conseguiu sair sozinho dos escombros. A Polícia Civil afirmou que os dois feridos foram socorridos ao Hospital Geral de Camaçari.

    Agentes do 3° Batalhão de Bombeiros Militar, em Salvador, e do 10° Batalhão de Bombeiros Militar, em Camaçari, realizaram o resgate do corpo, que foi deixado sob os cuidados do Departamento de Polícia Técnica (DPT) para identificação e demais procedimentos legais.

    Segundo o coordenador da Defesa Civil de Camaçari, o homem estava operando uma escavadeira para demolir parte da estrutura, porém, ficou embaixo do local durante o trabalho. A escavadeira teria então mexido na base da estrutura, que é muito antiga, o que causou o colapso.

    “Tivemos que mobilizar duas máquinas para poder triturar o concreto, e só conseguimos resgatar o corpo por volta das 3h da manhã de hoje (19)”, afirmou o coordenador Ivanaldo Soares. A Defesa Civil interditou toda a área. Segundo Soares, o local alvará de funcionamento do local estava vencido desde 2023.

    O Núcleo de Operações com cães dos Bombeiros realizou ainda uma busca na área para verificar a existência de possíveis outras vítimas, o que foi descartado após a análise.

    A 18ª Delegacia Territorial (DT) de Camaçari foi acionada sobre o soterramento. A Polícia Civil afirmou que o caso será investigado.

    Em nota à CNN, o Comitê de Fomento Industrial de Camaçari (Cofic) afirmou que o acidente ocorreu em área de uma empresa que se encontra desativada no Polo de Camaçari desde a década de 1980, e que nunca teve qualquer vínculo associativo com o Cofic.