Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Coronavac em crianças, morte de Elza Soares e mais da noite de 20 de janeiro

    5 Fatos Noite, apresentado por Carol Nogueira, repercute as principais notícias do Brasil e do mundo

    Pedro Zanattada CNN

    Em São Paulo

    A autorização do uso da Coronavac em crianças e adolescentes de 6 a 17 anos de idade e a morte da cantora e compositora Elza Soares estão entre os destaques da noite desta quinta-feira, 20 de janeiro de 2022.

    Coronavac em crianças

    A Anvisa autorizou o uso da Coronavac em crianças e adolescentes de 6 a 17 anos de idade. A aprovação foi unânime, mas com uma ressalva: a vacina não deve ser aplicada em imunossuprimidos dessa faixa etária.

    Caso em Lençóis Paulista

    O Centro de Vigilância Epidemiológica da Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo descartou que uma criança tenha sofrido evento adverso grave após ter sido vacinada contra a Covid-19. A suspeita surgiu após a vacinação na cidade de Lençóis Paulista, no interior do estado. A criança, de 10 anos, possuía uma doença congênita rara, desconhecida, até então, pela família e que desencadeou o quadro clínico.

    Teste rápido

    A Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) incluiu o teste rápido para detecção da Covid-19 no rol de exames de cobertura obrigatória dos planos de saúde. A agência justificou a decisão pelo aumento de casos em função da variante Ômicron. A medida foi publicada no Diário Oficial da União (DOU) e já está em vigor.

    Morre Elza Soares

    Elza soares morreu nesta quinta-feira aos 91 anos. A cantora e compositora morreu em casa, no Rio de Janeiro. A informação foi dada por familiares em uma rede social.

    Otimismo para os reservatórios

    Dados do Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS) mostram um cenário otimista para os primeiros meses do ano para os reservatórios do país. A previsão é que o sub-sistema do Sudeste e Centro-Oeste supere 40% do volume. Esse sub-sistema é responsável por 70% da produção de energia do país.

    Nas redes

    Nas redes sociais, destaque para o uso da Coronavac em crianças e adolescentes de 6 a 17 anos, aprovado pela Anvisa.

    Newsletter

    Para receber as principais notícias todos os dias no seu e-mail, cadastre-se na nossa newsletter 5 Fatos em newsletter.cnnbrasil.com.br