Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Delegacia de Homicídios investiga morte de influenciadora no Rio de Janeiro

    Carro onde estava Luanne Jardim foi atingido por tiros na Linha Amarela, zona norte da cidade

    Luanne Jardim morreu ao ser atingida por tiros na Linha Amarela, no Rio de Janeiro
    Luanne Jardim morreu ao ser atingida por tiros na Linha Amarela, no Rio de Janeiro Reprodução/Instagram

    Cleber Rodriguesda CNN Rio de Janeiro

    A Delegacia de Homicídios do Rio de Janeiro está investigando a morte da influencer Luanne Jardim, de 30 anos, que aconteceu na noite de domingo (21) em uma das saídas da Linha Amarela, na zona norte da cidade. Ela estava com o filho dentro do carro, que ficou levemente ferido.

    De acordo com a Polícia Militar, o carro de Luanne foi atingido por disparos de arma de fogo na saída para Pilares. Ela chegou a ser socorrida no Hospital Municipal Salgado Filho, no Méier, porém não resistiu aos ferimentos.

    A especializada em homicídios informou em nota que “dligências estão em andamento para identificar a autoria e esclarecer a motivação do crime”.

    O marido da influenciadora, o atleta João Sarche, postou um storie no perfil da mulher, onde agradece as mensagens que a família recebeu. Ele diz nas postagens que o filho foi ferido por estilhaços.

    “Quero agradecer a todos que estão mandando mensagens, que gostam de nossa família e nos amam. Eu estou bem. Miguelzinho está bem, machucou um pouco o rosto com estilhaços, ele estava no banco de trás. Assim que eu tiver alguma informação eu falo aqui”, disse o atleta.

    O perfil de Luanne no Instagram tem 317 mil seguidores. Ela era influenciadora com conteúdo sobre perda de peso. Entre seus seguidores está a cantora e também influenciadora Jojo Todynho.

    (Publicada por Carolina Farias)